terça-feira, novembro 6

Lição 6 – 4º Trimestre - CPAD


A PROMESA DA PAZ INTERIOR

Lição 6 – 4º Trimestre - CPAD


TEXTO ÁUREO: “Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou; não vo-la dou como o mundo a dá. Não se turbe o vosso coração, nem se atemorize.”Jo. 14.27

Promessa: Uma promessa pode ser equiparado a um juramento. As promessas foram feitas para se transmitir segurança, pois, diz-se que ela será cumprida.
Epangelia – um anúncio com o sentido especial de uma promessa.
Epandelma – uma promessa feita.
Epangello – afirmar alguma coisa à respeito de alguém. Anunciar o que alguém está prestes a fazer.
O que é a Paz:
Paz significa: ausência de lutas, conflitos, sossego, serenidade. (Mini-dicionário Aurélio).
Paz – eirene – é um estado de descanso, quietude e calma. Eirene inclui relacionamentos harmônicos entre Deus e os seres humanos, os seres humanos entre si, nações e famílias. Bíblia Plenitude – SBB.
Paz- shalom – paz, saúde, bem-estar, segurança,tranqüilidade, prosperidade, descanso, harmonia, ausência de agitação ou discórdia.

A palavra vem da raiz “shalam”, que quer dizer: “ser completo, perfeito e pleno”. Bíblia Plenitude – SBB.
O próprio nome de Deus era entendido como Paz, conforme vemos no trecho, abaixo:
Jz 6:24: “O Senhor é paz” -Jeová-Shalom.No Antigo Testamento.
Efésios 2.14: “Porque Ele (Jesus Cristo) é a Nossa Paz”. No Novo Testamento.
Lc 1:79 - "...para alumiar aos que jazem nas trevas e na sombra da morte, a fim de dirigir os nossos pés no caminho da Paz. Aqui está o conceito eirene para paz."
Introdução:
Este texto do Evangelho de João, nos dá a dimensão de uma promessa indispensável para o homem atual.
Estamos vivendo dias de angústia e de dificuldades, de agitação total, seja no trânsito, no qual somos envolvidos pelo medo, pelas discussões que acabam em crimes, medo de assaltos, seqüestros, por tudo isto e muito mais, quando encontramos pessoas sofrendo dos males do século:
Depressão;
Ansiedade;
Taquicardia;
Medo;
Psicoses variadas;
Encontramos pessoas de todas as idades, crianças, jovens, meia-idade, idosos, sofrendo de todos estes males, com suas consequências; jovens moças sofrendo do medo de engordar e tornando-se anoréxicas, bulímicas e algumas chegando ao óbito, por este problema.
Jovens senhoras e moças morrendo numa mesa cirúrgica por submeterem-se a operações plásticas e tratamentos estéticos por medo de ficarem velhas, feias, fruto de uma ansiedade, que elas mesmo não sabem em que momento de suas curtas vidas foi iniciada.
Poderíamos relatar uma infinidade de sintomas clínicos ou seus efeitos que causam tanto mal a sociedade dos dias de hoje, seja no Brasil ou no mundo.
Quase todos vivem um momento de insegurança, pois lhes falta a Paz Interior, algo que é raridade nos dias de hoje, segundo os especialistas em psiquiatria e psicologia. Todos procuram uma paz interior.
São recomendados a viajar, espairecer, irem para o campo, mas hoje basta ligar o celular e lá vem a sensação de insegurança, a falta de tranqüilidade, na realidade falta de paz no interior, não da mente, mas o espírito.São sempre orientados com base em conceitos materiais, e nunca espirituais, quando a causa é espiritual.
Causa:
Qual seria a causa principal desta frustração humana, em qualquer sociedade?
Se voltarmos ao início de tudo, lá no livro do Gênesis, encontraremos:
Caim sem paz.

Angustiado contra seu irmão, irou-se (uma das características da falta de paz) ainda que o próprio Deus o encorajou a buscar a paz perdida (Gn.4.4-7).
Adão sem paz.

Pela perda da perfeição e de sua queda, imagine o que Adão deve ter sofrido mentalmente.O que foi que eu fiz? Porque eu não evitei o engano?
Eva sem paz.

Da mesma forma, Eva como mulher, deve ter se sentido fraca, aborrecida por ter envolvido seu esposo no mesmo erro.
Hoje quantos de nós não sofremos destes distúrbios, quando cometemos um erro, aparentemente evitável; muitos não suportam e chegam ao extremo.
Ontem, vendo um noticiário que falava da estatística de suicídios, em que se demonstrava que o aumento do suicídio tem ocorrido entre os ricos e nos países de primeiro mundo; aumento causado pela depressão, medos, angústias interiores, aparentemente sem causas, pois os suicidas exteriormente teem tudo.
Aí descobrimos que uma das consequências desta falta de paz é uma das componentes, da corrupção, da alteração de um estado de perfeição para o qual o homem havia sido criado e perdeu ao pecar.
Mas haveria solução para isto?

Sem dúvida Deus que nunca perde uma batalha, e sendo pleno Amor, em sua mente divina elaborou uma saída para a coroa da sua criação- o homem – e a fez através de uma Promessa, como veremos, à seguir.
Promessas de Paz:
A paz era uma promessa tão buscada que até no nome de alguns personagens e lugares bíblicos a encontramos:
Absalão - "o pai é da paz" ou “meu pai é paz”,
Salomão - pacífico
Jerusalém – Habitação da paz.
Todos buscavam e buscam a paz, para sua vida pessoal, para a sua nação, para sua família.
Quando o profeta Isaías escreve o seu livro no capítulo 9, ele anuncia (Epangelia) os Nomes do mais esperado personagem de toda a Terra, nos encontramos ali a plenitude da Promessa de Paz interior para o homem.
Isaías capítulo 9.6: “Porque um menino nos nasceu, um filho se nos deu; e o principado está sobre os seus ombros, e o seu nome será Maravilhoso Conselheiro, Deus Forte, Pai da eternidade, PRINCÍPE DA PAZ.“
Vejo no texto escrito pelo profeta a importância dada por Deus aos nomes da Promessa.
Tal é a importância, que o profeta Isaías vai enumerando os diversos títulos da Promessa de Israel e da Humanidade:
Primeiro com sua característica de Maravilha e Conselho, seu Poder, sua Eternidade, mas o ápice do texto é o final: Príncipe da Paz.
Não para aí o profeta, veja o versículo seguinte:
Isaías capítulo 9.7: “Do incremento [epangello] (crescer, aumentar, desenvolver) deste principado e da PAZ, não haverá fim.......desde agora e para sempre; e confirma de maneira quase com juramento...O zelo do Senhor dos Exércitos fará isto.”
A Bíblia relata, no livro de Daniel capítulo 3.14-27. a situação pela qual passaram três jovens judeus, longe de sua terra, na qual eles tiveram paz; na maior dificuldade de suas vidas, a poucos instantes de serem jogados numa fornalha aquecida sete vezes mais, eles estavam em Paz.
Versículo 25: (“...vejo quatro homens soltos...andam passeando dentro do fogo e nada há de lesão neles; e o aspecto do quarto é ... do filho dos deuses.”).
Solução - Paz Interior real:
Nesta passagem, podemos distinguir quem tem paz interior está descansado, por tê-la dentro de si, independe da situação;
Quem tem paz interior pode responder a qualquer ameaça de violência mesmo contra a sua vida sem medo (o medo é lançado fora). Dn. 3.16-18
Quem tem paz interior, encontra dentro da situação com a PAZ verdadeira que é Jesus Cristo. Daniel 3.25
Quem tem paz interior pode passar na prova de fogo sem lesão;
Quem tem paz interior pode passear tranqüilo dentro da luta;
E o mais lindo:
Quem tem paz interior tem encontro marcado especial, com a PAZ no Interior da luta!
Assim deve o crente viver, com paz no seu interior independente de sua situação.
Conclusão:
Podemos agora retornar a questão da paz em nossas vidas como seres humanos.
O salmista nos ensina como ter paz, não só um pouco mas muita paz: Sl. 119.165: “Muita paz teem os que amam a tua lei, e para eles não há tropeço” (a paz nos leva a ver as dificuldades, problemas como algo comum que fazem parte da vida, mas podem ser vencidos).
A sociedade moderna anseia pela paz interior.
Aqui está uma instrução clara de como alcança-la.Se amarmos a Deus e obedecermos as suas leis, teremos abundância de paz. Confie em Deus, o único que está acima das pressõs diárias da vida e nos dá plena segurança. Bíblia de Estudo de Aplicação Pessoal –CPAD –pag. 818.
Para que se tenha Paz é necessário ter no nosso interior o preenchimento do lugar que só cabe ela.
Para que tenhamos paz, é necessário buscarmos a paz onde ela está em sua Plenitude, no plenoma de Deus.
Para que tenhamos paz, é necessário que deixemos a paz ocupar o lugar principal em nossas vidas.
Para que tenhamos paz é necessário que:
Busquemos, deixemo-la ocupar o seu lugar, abrir as portas do lugar (Ap. 3.20: Eis que estou à porta e bato...) onde só ela pode ficar.
É necessário ao homem do século XXI deixar Jesus: A Paz; A Shalom de Deus; O Príncipe da Paz, entrar em nosso interior, ocupar todos os espaços e mesmo em meio a todas ansiedades da vida, ao medo, as dificuldades, a tensão do dia-a-dia teremos Paz para suporta-los e vence-los.
Ter Paz Interior: só em Jesus!
Jesus, como Príncipe da Paz, dá paz àqueles que o invocam para a salvação pessoal!
Autor:
Osiel Varela – Ministro das Assembléias de Deus – Missão. Consagrado no Belém em 26/09/1996. Membro em Santo André, V. Curuçá. SP.Pr. Nivaldo Rodrigues.Ligado ao Belém.
Professor de Teologia; Pós – graduado em Bíblia.

Nenhum comentário:

Seguidores

Ocorreu um erro neste gadget

Geografia Bíblica-Texto-Local!

Para quem estuda a Arqueologia - Mapas do Antigo Testamento e do Novo Testamento.
Viaje à Terra Santa pelo seu PC, ou qualquer lugar citado na Bíblia! Com ela você pode através do texto que está lendo ter acesso ao local onde ocorreu o fato bíblico! Forma gratuita, é só clicar e acessar:

Ser Solidário

Seja solidário
"Um dia vieram e levaram meu vizinho que era judeu. Como não sou judeu, não me incomodei. No dia seguinte, vieram e levaram meu outro vizinho que era comunista. Como não sou comunista, não me incomodei . No terceiro dia vieram e levaram meu vizinho católico. Como não sou católico, não me incomodei. No quarto dia, vieram e me levaram; já não havia mais ninguém para reclamar..."
Martin Niemöller, 1933

Doutrina


O Credo da Assembléia de Deus
A declaração de fé da Igreja Evangélica Assembléia de Deus não se fundamenta na teologia liberal, mas no conservadorismo protestante que afirma entre outras verdades principais, a crença em:
1)Em um só Deus, eternamente subsistente em três pessoas: o Pai, o Filho e o Espírito Santo (Dt 6.4; Mt 28.19; Mc 12.29).
Pacto de Lausanne – Suíça
Teses de Martinho Lutero
95 Teses de Lutero
Clique e acesse todo texto.

Ensino Dominical