sábado, agosto 4

A Despensa Vazia Lição CPAD – Lição 05 - ATUALIZAÇÃO

A Despensa Vazia
Lição CPAD – Lição 06 - 05 de agosto de 2012
Subsídio de: Osvarela – Primeira parte
TEXTO ÁUREO
Fui moço e agora sou velho; mas nunca vi desamparado o justo, nem a sua descendência a mendigar o pão” Sl 37.25.
VERDADE PRÁTICA
Mesmo em meio à escassez, cremos que o Senhor é poderoso para suprir, em glória, todas as nossas necessidades.
LEITURA BÍBLICA EM CLASSE
2 Reis 4.1-7
1 E UMA mulher, das mulheres dos filhos dos profetas, clamou a Eliseu, dizendo: Meu marido, teu servo, morreu; e tu sabes que o teu servo temia ao Senhor; e veio o credor, para levar os meus dois filhos para serem servos.
2 E Eliseu lhe disse: Que te hei de fazer? Dize-me que é o que tens em casa. E ela disse: Tua serva não tem nada em casa, senão uma botija de azeite.
3 Então disse ele: Vai, pede emprestadas, de todos os teus vizinhos, vasilhas vazias, não poucas.
4 Então entra, e fecha a porta sobre ti, e sobre teus filhos, e deita o azeite em todas aquelas vasilhas, e põe à parte a que estiver cheia.
5 Partiu, pois, dele, e fechou a porta sobre si e sobre seus filhos; e eles lhe traziam as vasilhas, e ela as enchia.
6 E sucedeu que, cheias que foram as vasilhas, disse a seu filho: Traze-me ainda uma vasilha. Porém ele lhe disse: Não há mais vasilha alguma. Então o azeite parou.
7 Então veio ela, e o fez saber ao homem de Deus; e disse ele: Vai, vende o azeite, e paga a tua dívida; e tu e teus filhos vivei do resto.
História:
Talvez esta mulher fosse a mulher do profeta Obadias, segundo o historiador judeu Flávio Josefo.
OBJETIVOS
Após esta aula, o aluno deverá estar apto a:
  • Compreender que a fé em Deus nos ajuda a lutar contra os imprevistos.
  • Conscientizar-se de que Deus age segundo aquilo que temos.
  • Explicar a providência divina no Antigo e Novo Testamentos.
  • A vulnerabilidade de uma viúva é algo que nãopassa encoberto aos olhos de Deus
  • A situação do incapaz [os filhos do profeta] também é objeto da provisão e da fé ativa a ser ativada pelo homem de Deus.
  • Que mesmo sendo profeta alguns dissabores financeiros podem ser objeto de danos a família, mesmo, sendo este um profeta - “UMA mulher, das mulheres dos filhos dos profetas, clamou a Eliseu, dizendo: Meu marido, teu servo, morreu; e tu sabes que o teu servo temia ao SENHOR; e veio o credor, para levar os meus dois filhos para serem servos”.
  • Deus cuida dos vulneráveis
  • Dos abandonados
  • Dos necessitados
  • Para que a despensa se encha de forma milagrosa e perene: “...e o fez saber ao homem de Deus; e disse ele: Vai, vende o azeite, e paga a tua dívida; e tu e teus filhos vivei do resto.”
ETIMOLOGIA:
Indigente – formado por ‘in’[não] e por ‘digerere’ [dispor (da mesma família de digestão – atividade que põe a disposição de nossos corpos os alimentos, em digestão, função vital para mantença do corpo)], ou seja, o que não ‘dispõe’; o que não dispo é um ‘in-digente’.
- adj. e s.m. e s.f. Pessoa sem recursos suficientes, e suscetível de receber auxílios ou beneficiar-se de reduções fiscais.Pobre, mendigo.
Muitos se têm tornados mendigos ou indigentes, por falta de alimento da Palavra: Achando-se as tuas palavras, logo as comi; e as tuas palavras eram para mim o gozo e alegria do meu coração” Jr.15.16.
Provisão
-s.f. Ato ou efeito de prover.Abastecimento de coisas necessárias ou úteis: provisão de água.
Prescrição, decreto, ordem, disposição, providência.
Deus pode e quer decretar providencias divinas para os justos e crentes em Seu Nome.
Praticando a Palavra:
Melhor do que conhecer a palavra de Deus é praticá-la, seguindo o exemplo do nosso Senhor Jesus Cristo. “Entrementes, os seus discípulos lhe rogavam, dizendo: Rabi, come. Ele, porém, respondeu: Uma comida tenho para comer que vós não conheceis. Então os discípulos diziam uns aos outros: Acaso alguém lhe trouxe de comer? Disse-lhes Jesus: A minha comida é fazer a vontade daquele que me enviou, e completar a sua obraJoão 4.31-34.
Anísio Renato de Andrade – Bacharel em Teologia. http://www.anisiorenato.com
Mendicância e Indigência:
É uma posição análoga e da família da mendicância, quando alguém não dispõe sequer de algo para se alimentar, a cada dia, e depende sempre de alguém, pois não dispõe de: algo para sua subsistência. [do autor – Osvarela]
– vem do verbo latim “indigeo” – ‘estar necessitado’; este ‘indigeo’ por sua vez formado do arcaico prefixo ‘ ind’ e do verbo ‘egeo ‘ – ‘estar necessitado, estar falto de’.
Mendigo - mendicante, pedinte, morador de rua, sem-teto ou sem-abrigo é o indivíduo que vive em extrema carência material, não podendo garantir a sua sobrevivência com meios próprios.
Tal situação de indigência material força o indivíduo a viver na rua, perambulando de um local para o outro, recebendo o adjetivo de vagabundo, ou seja, aquele que vaga, que tem uma vida errante.
O estado de indigência ou mendicância é um dos mais graves dentre as diversas gradações da pobreza material. Muitas das situações de indigência estão associadas a problemas relacionados com toxicodependência, alcoolismo, ou patologias do foro psiquiátrico.
Os mendigos obtêm normalmente os seus rendimentos através de subsídios de sobrevivência estatais ou através da prática da mendicância à porta de igrejas, em semáforos ou em locais bastante movimentados como os centros das grandes metrópoles.
MENDIGOS DE HOJE E NAS ESCRITURAS:
Lázaro
Cego de Jericó
Dez cegos
Cego do Templo – Jesus e o Sinédrio e sua família.
Paralitico da porta formosa – ação da Igreja – O Caminho – Pedro e João ´O Apostolado em ação – Concílio de Benção sob Nome de Jesus Cristo.
HOJE:
Toxicodependência, alcoolismo, ou patologias do foro psiquiátrico.
Medigos espirituais:
Medicancia submetida a possessãões.
Medicancia sob potestades
Ricos medigos sem alma fraterna – Lázaro e o Rico
Seguindo a base jurídica Romana, os Códigos de Leis Brasileiros, apresentam uma versão similar a vivida pelo Cego do Caminho de Jericó – Autorizado a viver sua medincancia, com a sua Capa, o que lhe espiava qualquer condenação por uso indevido de sua mendicancia.
-Aqui no Brasil Até 2009 a mendicância era considerada uma contravenção penal no Brasil, quando este artigo da Lei de Contravenções Penais foi revogado pela Lei nº 11.983, de 2009
Muitos ainda vivem uma vida espiritual sob a capa que os domina:
-O Poder do Principe deste Mundo – Satanás; 2 Pd. 2.19.b- Porque de quem alguém é vencido, do tal faz-se também servo.
-O Poder de lideranças, que determinam o que fazer;
Sob o domínio de “profetas” – Jd. 1
2 Pedro 2. 1. E TAMBÉM houve entre o povo falsos profetas, como entre vós haverá também falsos doutores, [...] E por avareza farão de vós negócio com palavras fingidas; sobre os quais já de largo tempo não será tardia a sentença, e a sua perdição não dormita.[...] e desprezam as autoridades; atrevidos, obstinados, não receando blasfemar das dignidades; 11 Enquanto os anjos, sendo maiores ...; pois que tais homens têm prazer nos deleites quotidianos; nódoas são eles e máculas, deleitando-se em seus enganos, quando se banqueteiam convosco; 14 Tendo os olhos cheios de adultério, e não cessando de pecar, engodando as almas inconstantes, tendo o coração exercitado na avareza, filhos de maldição;15 Os quais, deixando o caminho direito, erraram seguindo o caminho de Balaão...;...17 Estes são fontes sem água, nuvens levadas pela força do vento, para os quais a escuridão das trevas eternamente se reserva.18 Porque, falando coisas mui arrogantes de vaidades, engodam com as concupiscências da carne, e com dissoluções, aqueles que se estavam afastando dos que andam em erro,19 Prometendo-lhes liberdade, sendo eles mesmos servos da corrupção. Porque de quem alguém é vencido, do tal faz-se também servo.[...]22 Deste modo sobreveio-lhes o que por um verdadeiro provérbio se diz: O cão voltou ao seu próprio vômito, e a porca lavada ao espojadouro de lama.
Despensa Vazia:
Por desperdício pessoal; “1 E UMA mulher, das mulheres dos filhos dos profetas, clamou a Eliseu, dizendo: Meu marido, teu servo, morreu; e tu sabes que o teu servo temia ao Senhor; e veio o credor, para levar os meus dois filhos para serem servos.
2   E Eliseu lhe disse: Que te hei de fazer? Dize-me que é o que tens em casa. E ela disse: Tua serva não tem nada em casa, senão uma botija de azeite”.
            - o falecido profeta deixou, pelo menos, o melhor que poderia deixar para sua família: Azeite. Ele sabia que com azeite havia a possibilidade do milagre ser maior. Deus contemplou a sua estória pessoal em ser ‘profeta e o seu temor ao Senhor’.
-Por involuntariedade;
-Por permissão de Deus;
-Por incapacidade;
-Por tribulação;
Parece contradito ao que a lição quer apresentar, mas conformo estas coisas a Soberania divina:
Então Satanás respondeu ao SENHOR, e disse: Pele por pele, e tudo quanto o homem tem dará pela sua vida. Porém estende a tua mão, e toca-lhe nos ossos, e na carne, e verás se não blasfema contra ti na tua face! E disse o SENHOR a Satanás [soberania ninguém pode tirar de Deus]: Eis que ele está na tua mão; porém guarda a sua vida.
E disse o SENHOR a Satanás: Eis que ele está na tua mão; porém guarda a sua vida.
Jó 2:1-10. E, vindo outro dia, em que os filhos de Deus vieram apresentar-se perante o SENHOR, veio também Satanás entre eles, apresentar-se perante o SENHOR.
Então o SENHOR disse a Satanás: Donde vens? E respondeu Satanás ao SENHOR, e disse: De rodear a terra, e passear por ela.
E disse o SENHOR a Satanás: Observaste o meu servo Jó? Porque ninguém há na terra semelhante a ele, homem íntegro e reto, temente a Deus e que se desvia do mal, e que ainda retém a sua sinceridade, havendo-me tu incitado contra ele, para o consumir sem causa.
... Porém estende a tua mão, e toca-lhe nos ossos, e na carne,[...a confiança do próprio Deus no justo!]  e verás se não blasfema contra ti na tua face!
Então saiu Satanás da presença do SENHOR, e feriu a Jó de úlceras malignas, desde a planta do pé até ao alto da cabeça. [...] Porém ele lhe disse: Como fala qualquer doida, falas tu; receberemos o bem de Deus, e não receberíamos o mal? Em tudo isto não pecou Jó com os seus lábios.
Razões para explicar a expressão do salmista:
O arrazoado do salmista em seu trecho inicial demonstra uma forma de incentivar aos homens a justiça, e como esta atua em nossas vidas.
Neste salmo acróstico, ou seja, escrito com base nas letras hebraicas neste caso, em ordem crescente, é uma forma gramatical do hebraísmo, usando a contradição ou comparação do contraditório para afirmar algo positivo, tal qual o Salmo 73.
Não é descartado no Salmo:
A possível queda; 24. Ainda que caia, não ficará prostrado, pois o SENHOR o sustém com a sua mão.
Depender do Deus da provisão não é sinônimo de situações de facilidade ou tranquilidade, mas é a certeza de que Ele está no controle.
-A possível perda;
-Pode ter menos: “16. Vale mais o pouco que tem o justo, do que as riquezas de muitos ímpios.”, mas vale ter este por ser uma porção abençoada.
-Passarem por meio a necessidades e dias de fome, note o termo aqui utilizado no versículo 19:
-Poderá pegar emprestado?
21. O ímpio toma emprestado, e não paga; mas o justo se compadece e dá”.
Sim, com diferença de ação dá com compaixão. 26. Compadece-se sempre, e empresta, e a sua semente é abençoada.
A atenção do justo é relacional com a Divindade Eterna:
É ela a sua esperança;
O alvo de sua busca de solução e reclamos, reclamar, aqui é um ato de buscar solução misturado com clamor, a quem possa atender as nossas necessidades:
Deus – O Soberano do Universo, o Doador da Vida e dos Bens, que lhe pertencem e ale distribui com Sua Justiça!
16. 19. Eis que também agora a minha testemunha está no céu, e nas alturas o meu testemunho está. 20. Os meus amigos são os que zombam de mim; os meus olhos se desfazem em lágrimas diante de Deus.
Podem se indignar, até Jó se indignou: 16. 6-17. Se eu falar, a minha dor não cessa, e, calando-me eu, qual é o meu alívio?
Na verdade, agora tu me tens fatigado; tu assolaste toda a minha companhia,
[...] Abrem a sua boca contra mim; com desprezo me feriram nos queixos, e contra mim se ajuntam todos.
Entrega-me Deus ao perverso, e nas mãos dos ímpios me faz cair.
Descansado estava eu, porém ele me quebrantou; e pegou-me pela cerviz, e me despedaçou; também me pôs por seu alvo.
Cercam-me os seus flecheiros; atravessa-me os rins, e não me poupa, e o meu fel derrama sobre a terra,
Fere-me com ferimento sobre ferimento; [...] O meu rosto está todo avermelhado de chorar, e sobre as minhas pálpebras está a sombra da morte:
Apesar de não haver violência nas minhas mãos, e de ser pura a minha oração.
Objetivo:
É alertar para o justo, para a Igreja que há momentos de dificuldades nos quais se tornam necessários, entendermos que haverá sempre a ajuda e ação da soberania divina, na vida de quem é fiel.
A palavra destaque neste salmo é desejar algo.
Mas, desejar algo no intrínseco do ser:
No que o hebraico chama de loeb – coração.
- Strong 03820 – Coração, intelecto, atenção, mente, ser interior, sentimentos internos, pensamentos mais profundos, ego.
- ‘Loeb’ abrange, no conceito hebraico, além do órgão físico, os anseios internos do hoemem tricotômico, em sua alma e espírito.
Embora a Bíblia declare ‘enganoso é o coração do homem’, contudo a mesma dissipa esta questão em Jr.17.10 [Eu, o SENHOR, esquadrinho o coração e provo os rins; e isto para dar a cada um segundo os seus caminhos e segundo o fruto das suas ações.], e I João 3.20 [Sabendo que, se o nosso coração nos condena, maior é Deus do que o nosso coração, e conhece todas as coisas.].
Inferência: O Senhor é sempre capaz de distinguir e analisar o que ocorre dentro do coração humano!

Uma Avaliação de Vida:
...nem a sua descendência a mendigar o pão...
Além de si mesmo, o salmista alerta sobre a questão de sua descendência.
Ele faz uma analise sob o ponto de vista da Justiça de Deus e o imediatismo que queremos, ao nos compararmos, ao ver o sucesso dos que não servem a Deus, sem nenhum tipo de descrédito aos que alcançam o sucesso, isto também é Soberania de Deus, Ele dá e permite a quem quer.
Ao longo de sua vida, ele analisa:
Temporalidade e Vida passageira..do Observador:
-Um dia eu era um jovem...
-Hoje sou um velho...
O versículo anterior: “Os passos de um homem bom são confirmados pelo Senhor, e deleita-se no seu caminho.” Explica o que se passou em sua vida e ele pode observar com a visão dos céus: Deus não desampara os seus justos, o que amam a sua Eterna Justiça.
A questão não é a riqueza, mas a iniquidade do ímpio, ser rico é algo bom e permitido por Deus!
A questão é colocar a sua confiança no fruto da impiedade.
Quero deixar claro:
O fulcro, ou mitte’ é a busca e domínio de riqueza sob o manto da impiedade e do desprezo ao Eterno!
Ter mais ou não ter mais, é possibilidade da vida do justo e do ímpio!
Porque na realidade o salmista está dando um conselho sobre a despensa sempre provida por Deus e não pelo fruto da impiedade.
A primeira será perenizada e esta será desarraigada.
Não discute o valor de riquezas, mas a perenização da benção.
Mas ser justo é algo a ser buscado por todos os seres nascidos sob o sol, e gerados sob a lei adâmica.
Sal.37.1-3. NÃO te indignes por causa dos malfeitores, nem tenhas inveja dos que praticam a iniqüidade. Porque cedo serão ceifados como a erva, e murcharão como a verdura. Confia no Senhor e faze o bem; habitarás na terra, e verdadeiramente serás alimentado.
Nesta curta história de vida podemos analisar:
-Sendo um conto ligeiro, se não pedirmos a Deus para nos ensinar a contar os nossos dias, e devemos observar a ação de Deus.
-o salmista aponta para a ação do cuidado de Deus, sobre a nossa geração posterior, ser alcançada pela benção paternal ou matriarcal posteriormente, na vida do Justo!
Sal 102:11 -  Os meus dias são como a sombra que declina, e como a erva me vou secando.
Sal 103:15 -  Quanto ao homem, os seus dias são como a erva, como a flor do campo assim floresce.
O ímpio é avaliado como a erva, mas a daninha, aquela que cresce e domina a grama, ou a relva do campo, cobrindo tudo e todos:
Sal 92:7 -     Quando o ímpio crescer como a erva, e quando florescerem todos os que praticam a iniqüidade, é que serão destruídos perpetuamente.
Sal.37.d.v’s...Mas passou e já não aparece; procurei-o, mas não se pôde encontrar: ... -o ímpio passa e as relíquias dos ímpios serão destruídas.[leia o Salmo Tema]
Quando o salmista aponta nestes versículos, o passar do ímpio, na realidade ele quer apontar para:
- a posição de quem não tem sustentação para si e para sua herdade, a não ser o justo, ou que põe a sua confiança no Senhor;
“...a sua semente é abençoada.
- o qual tem a sua benção garantida para seu herdeiro, haverá uma proximidade de seu ascendente em memória perante O Soberano Eterno, que garantirá algo de bom para evitar a mendicância, dos seus.
Solução para Despensa Vazia:
E disse Abraão: Deus proverá para si o cordeiro para o holocausto... Gen. 22:8
-Buscar provisão em Deus;
Achando-se as tuas palavras, logo as comi, e a tua palavra foi para mim o gozo e alegria do meu coração; porque pelo teu nome sou chamado, ó Senhor Deus dos Exércitos. Jr. 15:16.
-Crer na orientação da Palavra, vivendo a sua ‘praxis’ e não só a ouvindo, embora seja necessário ouvi-la para poder pratica-la...
Ouvir ao homem de Deus, mas o autentico e observado ao passar por tua casa, com discrição, atentando para sua vida!
Ter bom relacionamento, para hora da provisão e do milagre:Vai, pede emprestadas, de todos os teus vizinhos, vasilhas vazias, não poucas.
Tenha ordem na provisão que Deus lhe der, não misture vasos vazios, com vasos cheios.
Para que você pense possa saber quem é quem [visão eclesiástica];
“Então entra, e fecha a porta sobre ti, e sobre teus filhos, e deita o azeite em todas aquelas vasilhas, e põe à parte a que estiver cheia.”
Ser uma família unida e que tenha convivência plausível, que possam se reunir em um só local para receber a benção:
“Então entra, e fecha a porta sobre ti, e sobre teus filhos...”
Embora busque solução a ação, muitas vezes deve ser realizada no secreto!
Fonte:
Bíblia Plenitude
Strong
Lição CPAD
Apontamentos do autor

Nenhum comentário:

Seguidores

Ocorreu um erro neste gadget

Geografia Bíblica-Texto-Local!

Para quem estuda a Arqueologia - Mapas do Antigo Testamento e do Novo Testamento.
Viaje à Terra Santa pelo seu PC, ou qualquer lugar citado na Bíblia! Com ela você pode através do texto que está lendo ter acesso ao local onde ocorreu o fato bíblico! Forma gratuita, é só clicar e acessar:

Ser Solidário

Seja solidário
"Um dia vieram e levaram meu vizinho que era judeu. Como não sou judeu, não me incomodei. No dia seguinte, vieram e levaram meu outro vizinho que era comunista. Como não sou comunista, não me incomodei . No terceiro dia vieram e levaram meu vizinho católico. Como não sou católico, não me incomodei. No quarto dia, vieram e me levaram; já não havia mais ninguém para reclamar..."
Martin Niemöller, 1933

Doutrina


O Credo da Assembléia de Deus
A declaração de fé da Igreja Evangélica Assembléia de Deus não se fundamenta na teologia liberal, mas no conservadorismo protestante que afirma entre outras verdades principais, a crença em:
1)Em um só Deus, eternamente subsistente em três pessoas: o Pai, o Filho e o Espírito Santo (Dt 6.4; Mt 28.19; Mc 12.29).
Pacto de Lausanne – Suíça
Teses de Martinho Lutero
95 Teses de Lutero
Clique e acesse todo texto.

Ensino Dominical