sábado, maio 29

BARBÁRIE.Menino Indonésio de dois anos fumante é uma vítima da Sociedade e do Mal.

Publicamos a notícia que aterrou a muitos.

Um menino de dois anos e meio de idade, ou seja com 30 meses de nascidos, o que torna a idade mais contundente, fumante inveterado, com vício que o leva a fumar 40 cigarros por dia.

Ao ver vários vídeos, e notícias notamos que o menino passou a ser um destaque [negativo] para a família, que o apresentava a Imprensa com risadas e humor [negativo- JÁ seria UM CRIME, se não fosse trágico, numa versão do dito popular].

Lc.11.11,12. E qual o pai dentre vós que, se o filho lhe pedir pão, lhe dará uma pedra? Ou, se lhe pedir peixe, lhe dará por peixe uma serpente?Ou, se pedir um ovo, lhe dará um escorpião?

Há em algumas cenas, algo como um deboche, gritos guturais, impróprio de uma criança, que nos que chocaram, pois vão além do ato de fumar, que é totalmente desumano e criminoso, já que foi o pai que ensinou a criança o maligno vício e logo após ele torna-se uma criança comum ao tomar uma madeira e se aconchegar em sua simples cama de panos.

A criança ganhou o primeiro cigarro do próprio pai, quando tinha um ano e oito meses.

'Quando fica sem fumar, ele fica enfurecido, grita e bate a cabeça na parede', disse sua mãe, Diana, de 26 anos. 'Ele me disse que fica enjoado e doente.' Autoridades ofereceram à família um carro se ele parar de fumar, mas o pai, que é peixeiro, disse não ver problema. 'Ele me parece bem saudável', disse. (Foto: Barcroft)

Na Indonésia, o hábito é muito comum entre as crianças.

O índice de tabagismo chega a 25% na faixa etária entre cinco e nove anos – 3% são dependentes.

O pai do garoto diz que o filho parece saudável.

Leia a repercussão do caso, neste novo ‘post’.

Orem por esta criança e pelos seus pais.

Felizmente as autoridades indonésias, estiveram visitando a criança e diagnosticando o menino, para ver como está a sua saúde e para desintoxica-lo da nicotina e demais sub-produtos do fumo.

Somos anti-tabagista e a sociedade brasileira e internacional tem criado barreiras para o uso de cigarros, mas parece que na Indonésia este vício é quase ‘natural’, por mais anti-natural que seja, entre crianças de tenra idade.

A dependência do fumo é algo rápido, pois as pesquisas demonstram que qualquer pessoa que começa a fumar por brincadeira, ao passar um certo número de cigarros fumados se torna dependente, uma futura vítima, de enfisema pulmonar, câncer, doenças cardíacas e outras mais.

Aqui no Brasil.

O mais grave é que eu vejo mulheres grávidas fumando tranquilamente.

Próximo às escolas, nós vemos inúmeros estudantes, ainda do 2º grau fumando sem nenhum tipo de restrição.

Menino indonésio de dois anos que fuma cerca de 40 cigarros por dia já é vítima – nota do compilador/autor deste texto. Osvarela

O menino indonésio de dois anos que fuma cerca de 40 cigarros por dia já é uma provável vítima do vício em cigarros, afirmam pneumologistas ouvidos pelo G1 nesta quinta-feira (27).

Na última quarta, a agência de notícias Barcroft Media divulgou imagens do pequeno Aldi SugandaRizale que, de acordo com sua família, tem esse hábito desde os 18 meses e fica furioso quando fica sem fumar.

Segundo Oliver Nascimento, médico e professor da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), ninguém começa a fumar tanto de uma só vez.

O número de cigarros aumenta conforme o cérebro se torna dependente da nicotina.

Aldi SugandaRizal, de 2 anos, é visto fumando cigarro enquanto brinca com parentes em 23 de maio, em Sekayu, distrito de Sumatra, na Indonésia. (Foto: Barcroft / Getty Images)

"Temos receptores no cérebro à qual a nicotina se liga e libera dopamina, uma substância que gera bem-estar. A pessoa começa a fumar aos poucos, e esses setores do cérebro ávidos por nicotina começam a ficar mais numerosos", explica o médico, que também é diretor da Sociedade Paulista de Pneumologia.

A médica Elnara Negri, do hospital Sírio-Libanês, acrescenta que a dependência se manifesta mais rápido em pessoas mais novas.

"Há alguns estudos mostrando que, quanto mais jovem você inicia o hábito de fumar, mais rápido você se torna dependente", diz a pneumologista.

Um em cada dois morrem.

Começando a fumar tão cedo, Aldi SugandaRizal é um grande candidato a ter doenças relacionadas ao cigarro. "São raras as pessoas que fumam muito não têm problemas de saúde. Em geral, a cada dois fumantes haverá um que morrerá por algo relacionado ao cigarro", conta Nascimento.

Segundo a médica do Sírio-Libanês, o vício precoce pode trazer mais riscos de câncer. "As chances de ele ter mutações nas células é muito maior. As doenças pulmonares também podem ser mais graves, pois o pulmão ainda está em formação", conta.

Jovens
O pneumologista da Unifesp conta que no interior do Brasil também são comuns casos de pessoas muito jovens que fumam."Vemos crianças com 10 ou 12 anos que fumam cigarros de palha, que as pessoas pensam que não faz mal, mas não é verdade. Há até um estudo brasileiro mostrando que o cigarro de palha traz mais risco à saúde do que o cigarro comum."

De acordo com Elnara, apesar de a proporção de fumantes em relação à população estar caindo, é crescente o número de mulheres e adolescentes a partir dos 12 ou 13 anos que estão aderindo ao hábito.

Doença 'escondida'

Ainda que o pai do menino indonésio garantir que ele é saudável [aparentemente], o consumo de cigarros pode estar minando a saúde do garoto sem que se perceba.

Além das doenças tradicionalmente relacionadas ao cigarro, como problemas cardiovasculares e o câncer, o fumo pode ir destruindo aos poucos os alvéolos pulmonares – pequenas estruturas que captam oxigênio.

A falta de ar causada pela lenta "desativação" do pulmão, nem sempre encarada com seriedade, acaba levando à Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC).

O problema, que compromete para sempre a capacidade respiratória, só costuma ser detectado depois de 17 anos de seu início, revelou uma pesquisa realizada recentemente pelo grupo Ipsos com 229 brasileiros.

A fabricação do cigarro pode ser composta de até setecentos aditivos químicos.

A fumaça é repleta de substâncias como acetona, arsênico, butano, monóxido de carbono e cianido.

A nicotina, um dos componentes do cigarro, é a responsável pela dependência.Basta usar duas vezes e a pessoa se torna viciado e dependente.

A dependência é física e psíquica.

Os sintomas psicológicos e físicos do cigarro responsáveis pela dependência são: maior clareza de pensamentos, maior atenção e capacidade de concentração, aumento da memória, diminuição do apetite, da irritabilidade e agressividade. Além de atuar como relaxante.
O cigarro foi considerado, durante muito tempo, como símbolo de status, hoje se sabe que é um dos piores inimigos da saúde e tornou-se o maior problema de saúde pública mundial.

O fumo pode ocasionar doenças isquêmicas do coração, isquemias ou hemorragias cerebrais, doença pulmonar obstrutiva crônica, cânceres de pulmão, boca, laringe, esôfago e bexiga.

As pessoas que convivem com quem fuma são conhecidas como "fumantes passivos". Crianças expostas à fumaça são propensas a problemas respiratórios agudos.

A nicotina e outras substâncias do cigarro produzem vasoconstrição, ou seja, o fluxo de sangue que vai ao cérebro diminui e isso afeta o desenvolvimento do sistema nervoso central, alterando o desenvolvimento neuropsicomotor. Por isso ela demora mais até para andar.

Entre as crianças que fumam, o risco desta alteração é ainda maior, segundo o especialista.


- A concentração desta substância na fumaça que ela [a criança] está inalando é ainda maior, porque não vem de outra pessoa, de longe. O risco de adquirir uma bronquite crônica no futuro é muito grande. Essa criança também está mais exposta a também ter problema de irrigação cerebral, porque o cérebro também está em formação.


Pulmão se desenvolve rapidamente até oito anos


Até os oito anos de idade, os alvéolos pulmonares, áreas do pulmão responsáveis pela troca de oxigênio e gás carbônico presentes no sangue, estão se desenvolvendo de modo muito acelerado. E fumar ou ser submetido à fumaça do cigarro pode atrapalhar bastante o desenvolvimento do órgão na criança.

Vídeo na coluna 'Notícias da Hora', em módulo pequeno para diminuir o choque, que causa.

Nenhum comentário:

Seguidores

Ocorreu um erro neste gadget

Geografia Bíblica-Texto-Local!

Para quem estuda a Arqueologia - Mapas do Antigo Testamento e do Novo Testamento.
Viaje à Terra Santa pelo seu PC, ou qualquer lugar citado na Bíblia! Com ela você pode através do texto que está lendo ter acesso ao local onde ocorreu o fato bíblico! Forma gratuita, é só clicar e acessar:

Ser Solidário

Seja solidário
"Um dia vieram e levaram meu vizinho que era judeu. Como não sou judeu, não me incomodei. No dia seguinte, vieram e levaram meu outro vizinho que era comunista. Como não sou comunista, não me incomodei . No terceiro dia vieram e levaram meu vizinho católico. Como não sou católico, não me incomodei. No quarto dia, vieram e me levaram; já não havia mais ninguém para reclamar..."
Martin Niemöller, 1933

Doutrina


O Credo da Assembléia de Deus
A declaração de fé da Igreja Evangélica Assembléia de Deus não se fundamenta na teologia liberal, mas no conservadorismo protestante que afirma entre outras verdades principais, a crença em:
1)Em um só Deus, eternamente subsistente em três pessoas: o Pai, o Filho e o Espírito Santo (Dt 6.4; Mt 28.19; Mc 12.29).
Pacto de Lausanne – Suíça
Teses de Martinho Lutero
95 Teses de Lutero
Clique e acesse todo texto.

Ensino Dominical