quarta-feira, junho 23




OREMOS PELO POVO DE ALAGOAS E PERNAMBUCO.
CHUVAS CASTIGAM NOSSOS IRMÃOS NESTES ESTADOS.
Chuva destrói 11.400 casas em AL; bombeiros comparam estrago ao de um tsunami.
22/06/2010-07h41
FÁBIO GUIBU - ENVIADO ESPECIAL A UNIÃO DOS PALMARES (AL)
Centenas de casas, lojas e prédios públicos que ficavam ao longo de uma faixa de 60 km às margens do rio Mundaú, no interior de Alagoas, foram destruídos com as cheias que atingiram a região durante o fim de semana. Em todo o Estado, 11.400 casas vieram abaixo.
Branquinha Alagoas






Nas cidades de União dos Palmares e Branquinha (69 km de Maceió), o cenário é de terra arrasada. O nível do rio subiu pelo menos cinco metros e devastou tudo o que havia nas margens. A lama cobriu as ruas e o asfalto soltou-se em placas. Árvores e postes foram arrancados do chão.
Bombeiros comparam o estrago nas cidades a um causado por um tsunami. Desde sexta-feira, várias cidades estão sem água e energia elétrica. Trinta e oito pessoas morreram em Alagoas e Pernambuco.
"Perdi tudo de uma hora para outra", disse o servente de pedreiro Nelito Ribeiro de Sousa, 32, morador de União dos Palmares (62 mil habitantes, 80 km de Alagoas). "A água veio rápido, derrubando casa por casa."
Daniel Marenco/Folhapress                                                                                               
Branquinha (AL) destruído pelas chuvas. Bombeiros comparam estragos a de um tsunami  
Corpos no rio
Ontem (21), com o rio de volta ao seu nível normal, desabrigados carregavam sacos nas costas e empurravam carrinhos de mão.
Procuravam localizar indícios de suas casas para recolher algum objeto de algum valor que não tivesse sido levado, de eletrodomésticos a botijões de gás.
Alguns montaram acampamentos nas ruas para evitar saques. Muitos aproveitaram-se da situação para recolher, principalmente, portões e fios de cobre que encontravam nos destroços.
Em União dos Palmares, nas escolas transformadas em abrigos para flagelados, famílias dividem pequenos espaços delimitados por sucata e carteiras escolares. Sobre colchões úmidos e sujos de lama, crianças e cachorros dormem lado a lado.
Segundo a médica Angela Auto, crianças apresentam diarreia, e a gripe começa a se disseminar entre elas. Ela teme também que as águas espalhem lepstospirose.
O governo federal deve definir na próxima terça-feira o valor que será repassado emergencialmente para ajudar os Estados de Alagoas e Pernambuco no enfrentamento das enchentes.
Pernambuco
A situação também era precária no sul de Pernambuco, principalmente em Palmares (a 129 km de Recife), onde o rio Una transbordou. A correnteza derrubou duas pontes, provocando a interdição da BR-101.
A pensionista Anamara da Silva, 65, relata o caos: "Tá uma fome que só Deus sabe".
Ela conta que mesmo quem tem dinheiro não consegue comprar comida. Nos poucos lugares em que ainda há mantimentos, os preços subiram: galões de água mineral, antes vendidos por R$ 3,50, agora custam R$ 20.
"Agora, a maior necessidade é de água, comida e roupas para a população", disse ontem o governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB). 

Na China as Chuvas também fazem estragos

Nenhum comentário:

Seguidores

Ocorreu um erro neste gadget

Geografia Bíblica-Texto-Local!

Para quem estuda a Arqueologia - Mapas do Antigo Testamento e do Novo Testamento.
Viaje à Terra Santa pelo seu PC, ou qualquer lugar citado na Bíblia! Com ela você pode através do texto que está lendo ter acesso ao local onde ocorreu o fato bíblico! Forma gratuita, é só clicar e acessar:

Ser Solidário

Seja solidário
"Um dia vieram e levaram meu vizinho que era judeu. Como não sou judeu, não me incomodei. No dia seguinte, vieram e levaram meu outro vizinho que era comunista. Como não sou comunista, não me incomodei . No terceiro dia vieram e levaram meu vizinho católico. Como não sou católico, não me incomodei. No quarto dia, vieram e me levaram; já não havia mais ninguém para reclamar..."
Martin Niemöller, 1933

Doutrina


O Credo da Assembléia de Deus
A declaração de fé da Igreja Evangélica Assembléia de Deus não se fundamenta na teologia liberal, mas no conservadorismo protestante que afirma entre outras verdades principais, a crença em:
1)Em um só Deus, eternamente subsistente em três pessoas: o Pai, o Filho e o Espírito Santo (Dt 6.4; Mt 28.19; Mc 12.29).
Pacto de Lausanne – Suíça
Teses de Martinho Lutero
95 Teses de Lutero
Clique e acesse todo texto.

Ensino Dominical