quinta-feira, fevereiro 24

Kadafi resiste...Afinal, por que isto está acontecendo???

Líbia - A Revolta da Vez
País está em convulsão...
O que acontecerá ao final destas revoluções?
Eu creio que está havendo um redesenho relifgioso e politico, além é claro econômico.
Vamos assitir a Formação de mais um Bloco de Países...
Afinal, a junção de todos eles é um momento escatológico, até a unificação global,.
Ou você pensa, e acredita, que isto é só politização e domocracia em avanço?
Dn.9.25-27. Sabe e entende: desde a saída da ordem para restaurar e para edificar Jerusalém até o ungido, o príncipe...; com praças e tranqueiras se reedificará, mas em tempos angustiosos. ...e o povo do príncipe que há de vir destruirá a cidade e o santuário, e o seu fim será com uma inundação; e até o fim haverá guerra; estão determinadas assolações. E ele fará um pacto firme com muitos por uma semana; e na metade da semana fará cessar o sacrifício e a oblação; e sobre a asa das abominações virá o assolador; e até a destruição determinada, a qual será derramada sobre o assolador.
Sem determinar datas ou ocasiões, mas lembremo-nos de procurar entender tudo isto com a visão espiritual.
Isto não está acontecendo do nada.
A cerca de três meses ninguém, ou nenhum Cientista político podia prever, este estado de coisas na Região, que pode deter o crescimento de todo o Mundo, encarecer o preço dos alimentos e convulsionar a Terra, como agora!
Sem nenhum alarmismo, mas com entendimento em vista da Iminência.
Leia as matérias:
Kadafi, mais um a cair?
Ele está vendendo caro e custando caro ao povo, pelas notícias internacionais, com centenas, outros dizem já passar da casa do milhar de vidas.
Brasileiros chegam a SP a Brasília.
Empregados em grandes Construtoras, e Petrobras, que estavam ‘ilhados’ na Líbia e Região do Oriente Médio estão finalmente chegando ao Brasil.
Mas, ainda restam funcionários da construtora Queiroz Galvão em Bengazhi, centro nevrálgico da revolução 'popular'.
Brasileiros ilhados em Bengazhi.


A cidade - vide foto - uma das maiores, depois da Capital Líbia abrigava, ou abriga, muitos brasileiros.
Muitos ainda aguardam para sair.
Os que chegaram são empregados da Odebrecht, A.Gutierrez, Petrobras, estes da área petrolífera.
Um deles foi o engenheiro José Geraldo, que aparece cercado pela Imprensa ao deixar a área de
Desembarque em Guarulhos.
Afirmou:
Não teve problema nenhum, ocorreu tudo bem. Não pudemos ver nada (do que aconteceu na cidade). A empresa tomou conta para não deixar a gente passar nenhum risco lá - afirmou.
Ele trabalha há três anos na capital da Líbia, disse que não enfrentou dificuldades para fazer contato com sua família no Brasil.
Coragem.
O Engenheiro José Geraldo afirmou ainda, que pretende voltar a trabalhar na Líbia.
O brasileiro seguiu há pouco para o Aeroporto de Congonhas, onde embarcará para Belo Horizonte, onde mora sua família.
Construtora Queiroz Galvão
Enquanto parte dos cerca de 400 brasileiros que moram em Trípoli, capital da Líbia, já saem do país por conta própria, em voos comerciais, o resgate de mais de 150 trabalhadores da construtora Queiroz Galvão, que estão em Benghazi - cidade ao leste da Líbia agora comandada por forças de oposição ao ditador Muamar Kadafi - ainda não ocorreu. 
A operação deve ser realizada nesta quinta-feira .
Fontes da diplomacia brasileira informaram que a embarcação de bandeira grega, contratada pela empreiteira por intermédio da Embaixada do Brasil em Atenas, na Grécia, já está a caminho e deve chegar a Benghazi nesta quinta. Não há confirmação se o embarque dos brasileiros ocorrerá no mesmo dia.
Há muita confusão de informações, sobre:
Genocídio – mais de 1000 mortos
O uso de Mercenários de diversos países pagos para atirar nos revoltosos.
A Perda de comando, por parte de Muammar Kadafi das Empresas Petrolíferas
RIO - Com grande parte do leste da Líbia sob seu controle e, segundo moradores, no comando de importantes terminais petrolíferos, a oposição ao ditador Muamar Kadafi começou nesta quinta-feira a dar sinais de unidade - pelo menos no oriente do país.
Ao mesmo tempo, no oeste, manifestantes de oposição tomam mais cidades e avançam em direção a Trípoli, onde o mais longevo chefe de Estado do mundo árabe está cada vez mais entrincheirado.
A unidade da oposição foi mostrada na cidade de Al-Bayda, no leste da Líbia, durante um encontro entre líderes tribais e políticos.
Em imagens da rede árabe al-Jazeera era possível ver discursos dos representantes de cada grupo, em meio a gritos contra Kadafi na plateia.
Sem Dinheiro.
A Suíça afirmou através de suas Autoridades Financeiras, que todo o dinheiro de Kadafi e sua família depositado nos Bancos Suíços estão bloqueados.
Faz-nos lembrar de um tirano do Iraque, que tinha montanhas de dólares e ouro, e conseguir que suas filhas deixassem o pais com parte da fortuna esperando depois usufruir, mas a forca o deteve, para sempre.
SÃO PAULO e BRASÍLIA
- Depois de funcionários da Petrobras e da construtora Andrade Gutierrez, a equipe da Odebrecht que estava na Líbia também deixou o país nesta quinta-feira. Segundo a empreiteira, todos os seus funcionários não líbios - entre eles 107 brasileiros e seus parentes - foram retirados em um avião fretado que pousou na ilha de Malta com 446 pessoas a bordo.
A aeronave partiu de Trípoli, transportando também os sete funcionários brasileiros da Petrobras que permaneciam na capital da Líbia. De acordo com o comunicado da Odebrecht, o avião levou, além dos brasileiros, outros 332 trabalhadores da empresa e seus familiares, de 23 nacionalidades.
13h30: Avião com mais de cem brasileiros ligados a Odebrecht aterrissa em Valeta, capital de Malta, originário de Trípoli. ( Leia mais )
Os demais 2.749 funcionários da Odebrecht serão removidos por via aérea e marítima, ainda segundo o comunicado. Mais dois vôos fretados devem sair nesta quinta da Líbia, com cerca de 450 passageiros cada.
19h00: Dois navios enfrentaram mar agitado para levar cerca de 4.500 trabalhadores chineses que estavam na Líbia para a ilha de Creta. O mau tempo deixou centenas de americanos presos em uma embarcação em Trípoli, informa a agência de notícias Associated Press.
Além disso, um navio com capacidade de transporte para outras 2 mil pessoas já saiu de Palermo e deve chegar e Trípoli desta tarde.
20h20m: Segundo relatos de pessoas em Benghazi, milhares de líbios estão no porto e pressionam para entrar em qualquer navio. Esta é uma das preocupações de segurança com os brasileiros, que aguardam pelo sinal verde para sair do país em uma embarcação contratada pela empreiteira Queiroz Galvão. ( Leia mais )
OGlobo.

Nenhum comentário:

Seguidores

Ocorreu um erro neste gadget

Geografia Bíblica-Texto-Local!

Para quem estuda a Arqueologia - Mapas do Antigo Testamento e do Novo Testamento.
Viaje à Terra Santa pelo seu PC, ou qualquer lugar citado na Bíblia! Com ela você pode através do texto que está lendo ter acesso ao local onde ocorreu o fato bíblico! Forma gratuita, é só clicar e acessar:

Ser Solidário

Seja solidário
"Um dia vieram e levaram meu vizinho que era judeu. Como não sou judeu, não me incomodei. No dia seguinte, vieram e levaram meu outro vizinho que era comunista. Como não sou comunista, não me incomodei . No terceiro dia vieram e levaram meu vizinho católico. Como não sou católico, não me incomodei. No quarto dia, vieram e me levaram; já não havia mais ninguém para reclamar..."
Martin Niemöller, 1933

Doutrina


O Credo da Assembléia de Deus
A declaração de fé da Igreja Evangélica Assembléia de Deus não se fundamenta na teologia liberal, mas no conservadorismo protestante que afirma entre outras verdades principais, a crença em:
1)Em um só Deus, eternamente subsistente em três pessoas: o Pai, o Filho e o Espírito Santo (Dt 6.4; Mt 28.19; Mc 12.29).
Pacto de Lausanne – Suíça
Teses de Martinho Lutero
95 Teses de Lutero
Clique e acesse todo texto.

Ensino Dominical