quinta-feira, março 24

Japão hoje...Sepultamento..Kamikases e outras

Japão
Radiação em - Tóquio [capital]; Chiba [Leste]; Ibaraki; Fukushima; Hitachi; Higashimatsushima, na província de Miyagi
Protegendo as crianças.
Sepultamento coletivo, um motivo a mais de dor para os japoneses.
O número de mortos e desaparecidos devido ao tsunami de 11 de março já chegou a mais de 22 mil indivíduos, e nas pequenas aldeias e vilas rurais onde houve o maior número de mortes, existe uma quantidade excessiva de corpos a serem cremados"
Leia o texto completo:
A radiotividade, como se era de esperar está se espalhando por outras regiões no Japão, alem da capital Tóquio!
A radioatividade na água de Tóquio registrou queda nesta quinta-feira, voltando a níveis seguros para consumo, inclusive por bebês.
A radiação, contudo, foi detectada na água de outras regiões, como Chiba e Ibaraki.
As autoridades de Tóquio indicaram que, no início da manhã desta quinta-feira (noite de quarta em Brasília), a concentração de iodo radioativo na central de Kanamachi, que abastece as regiões central e oeste da capital, era de 79 becquerel por quilo, frente aos 210 becquerel por quilo registrados na véspera.
O limite considerado seguro para bebês é de 100 becquerel por quilo, enquanto para adultos sobe para 300 becquerel por quilo.
Criança segura garrafa de água em jardim de infância de Tóquio; radiação baixou na capital, mas subiu em outros lugares
No entanto, ainda assim segue a recomendação para que a água não seja dada a crianças com menos de um ano, já que ainda pode restar água com alto nível de radiação no encanamento. Há ainda a possibilidade de a radiação aumentar novamente.
Com o alerta, os japoneses correram em busca de água mineral --que já está em falta nos mercados.
O governo está distribuindo um pacote de seis litros de água para os pais de crianças com menos de dois anos, que deve durar por três dias. O governo pediu ainda às fábricas que aumentem a quantidade de garrafas disponibilizadas no mercado.
CONTAMINAÇÃO
No resto do país, iodo radioativo foi detectado em uma amostra de água recolhida na terça-feira na cidade de Kawaguchi, ao norte de Tóquio. O nível de iodo chega a 120 becquerel por quilo, acima do limite recomendado para bebês.
Ainda foi detectado material radioativo na água de outras províncias próximas à usina nuclear de Fukushima Daiichi, onde os operários lutam para controlar os seis reatores que ficaram seriamente danificados pelo terremoto e o posterior tsunami de 11 de março.
A cidade de Hitachi, em Ibaraki, disse ter detectado traços de uma quantidade de iodo radioativo muito acima do limite para bebês em uma amostra de sua usina de purificação.
Segundo as autoridades, a prefeitura detectou que o nível de iodo-131 subiu para 298 becquerels por quilo --quase fora do limite para adultos.
As autoridades de Chiba também recomendaram que os moradores não deem água de torneira para as crianças, já que detectou níveis de iodo de 220 becquerels por quilo em uma de suas usinas de tratamento e 180 becquerels em outro.
As amostras foram coletadas na quarta-feira, nas usinas localizadas em Matsudo.
Novos kamikases?
Trabalhadores de Fukushima são hospitalizados por radiação excessiva
Tóquio, 24 mar (EFE).- Dois operários da usina nuclear de Fukushima foram hospitalizados nesta quinta-feira por terem sido expostos à radiação excessiva enquanto trabalhavam para levar cabos elétricos ao reator número 3, informou a emissora de televisão "NHK".
E os outros?

23.mar.2011Trabalhadores da usina de Fukushima trabalham praticamente no escuro e sob o alto risco de contaminação radioativa dentro da sala de controle das unidades 1 e 2; eles são considerados heróis nacionais no Japão AP
Os dois funcionários, junto com um terceiro trabalhador que não precisou ser levado ao hospital, receberam radiação entre 170 e 180 milisievert, segundo a "NHK", que cita fontes da Agência de Segurança Nuclear do Japão.
Os feridos eram terceirizados da Tokyo Electric Power Company (Tepco), a empresa operadora da central, e trabalhavam para estender o cabo elétrico ao edifício de turbinas que se encontra em frente ao reator 3.
Os dois foram levados ao hospital da cidade de Fukushima e de lá devem ser transferidos para um instituto especial de radioatividade na cidade de Chiba, no leste do Japão.
No reator 3, que na quarta-feira foi temporariamente evacuado depois que uma fumaça escura foi observada saindo da unidade, foi retomado hoje o lançamento de água para resfriar sua piscina de combustível.
Em seis horas, as equipes militares e de bombeiros injetaram entre quatro e cinco toneladas de água na piscina, segundo a Agência de Segurança Nuclear.
O reator 3, que desde a terça-feira voltou a ter luz na sala de controle, é o único dos seis da central que usa como combustível uma mistura de urânio e plutônio (MOX).
Os operários da Tepco também lutam para controlar a situação nos reatores 1, 2 e 4, embora este último estivesse em manutenção no momento do terremoto do dia 11.
A combinação acima mostra estrada de Naka, na província de Ibaraki. A primeira foto mostra a estrada já reconstruída. Já a segunda (à dir.) foi feita em 11 de março, logo após o terremoto.[
Arraste a barra no centro da imagem para a esquerda ou direita para ver a diferença entre as fotos]
Economia.
O presidente do Banco do Japão, Masaaki Shirakawa, disse que a economia do país está em uma situação severa após o terremoto, sugerindo que o banco central pode fazer uma avaliação econômica pior na próxima revisão de política monetária.
Religião.
Sepultura.
Ec.6. 3. Se o homem gerar cem filhos, e viver muitos anos, de modo que os dias da sua vida sejam muitos .... e além disso não tiver sepultura, digo que um aborto é melhor do que ele;
Desastre agride cerimonial de sepultamento milenar.
A teogonia de cada povo, indica o seu tipo de atenção para o sepultamento.
Chorar os seus mortos individualmente á algo comum entre, quase todos os povos conhecidos e culturas e religiões díspares.
Há uma série de rituais, segundo a  teogonia do povo, para se sepultar os seus mortos.
João 19.40. Tomaram, pois, o corpo de Jesus, e o envolveram em panos de linho com as especiarias, como os judeus costumavam fazer na preparação para a sepultura.
Sepultamento coletivo é uma agressão a cultura da morte no Japão.
A grande maioria de japoneses são budistas.
A cremação é um ritual da religiosidade.
1 Sm. 25.1. Ora, faleceu Samuel; e todo o Israel se ajuntou e o pranteou; e o sepultaram na sua casa, em Ramá.
Como a quantidade de corpos é muito grande, está sendo impossível dar aos mortos um sepultamento digno, segundo as suas tradições.
O enterro em vala coletiva se transforma em um rasgo nas vidas dos japoneses, sendo considerado: 
Segundo reportagem do "New York Times" desta quinta-feira (24), "...esse foi o mais grosseiro dos funerais para uma família que já vinha tendo que arcar com uma tristeza insuportável. [...].
Flores são depositadas sobre caixão de vítima de tsunami no Japão.
2 Cr.16. 14 E o sepultaram no sepulcro que tinha cavado para si na cidade de Davi, havendo-o deitado na cama, que se enchera de perfumes e de diversas especiarias preparadas segundo a arte dos perfumistas; e destas coisas fizeram-lhe uma grande queima.
No Japão, não é normal enterrar os mortos, e muito menos colocar dezenas de corpos lado a lado em uma vala comum.
A cremação é ao mesmo tempo uma cerimônia quase universal e um ritual importante que faz parte de uma elaborada tradição funerária profundamente enraizada no budismo. [...]”
Mas, ao longo da costa nordeste do Japão, a tradição colidiu neste mês com uma realidade matemática.
Segundo reportagem do "New York Times" desta quinta-feira (24), "esse foi o mais grosseiro dos funerais para uma família que já vinha tendo que arcar com uma tristeza insuportável. [...] No Japão, não é normal enterrar os mortos, e muito menos colocar dezenas de corpos lado a lado em uma vala comum. A cremação é ao mesmo tempo uma cerimônia quase universal e um ritual importante que faz parte de uma elaborada tradição funerária profundamente enraizada no budismo. [...] Mas, ao longo da costa nordeste do Japão, a tradição colidiu neste mês com uma realidade matemática. O número de mortos e desaparecidos devido ao tsunami de 11 de março já chegou a mais de 22 mil indivíduos, e nas pequenas aldeias e vilas rurais onde houve o maior número de mortes, existe uma quantidade excessiva de corpos a serem cremados".
Parentes choram durante sepultamento em massa para vítimas de tsunami em Higashimatsushima, na província de Miyagi. Shiho Fukada/International Herald Tribune.
Parentes e amigos participam de sepultamento em massa para vítimas de tsunami em Higashimatsushima, na província de Miyagi.

Nenhum comentário:

Seguidores

Ocorreu um erro neste gadget

Geografia Bíblica-Texto-Local!

Para quem estuda a Arqueologia - Mapas do Antigo Testamento e do Novo Testamento.
Viaje à Terra Santa pelo seu PC, ou qualquer lugar citado na Bíblia! Com ela você pode através do texto que está lendo ter acesso ao local onde ocorreu o fato bíblico! Forma gratuita, é só clicar e acessar:

Ser Solidário

Seja solidário
"Um dia vieram e levaram meu vizinho que era judeu. Como não sou judeu, não me incomodei. No dia seguinte, vieram e levaram meu outro vizinho que era comunista. Como não sou comunista, não me incomodei . No terceiro dia vieram e levaram meu vizinho católico. Como não sou católico, não me incomodei. No quarto dia, vieram e me levaram; já não havia mais ninguém para reclamar..."
Martin Niemöller, 1933

Doutrina


O Credo da Assembléia de Deus
A declaração de fé da Igreja Evangélica Assembléia de Deus não se fundamenta na teologia liberal, mas no conservadorismo protestante que afirma entre outras verdades principais, a crença em:
1)Em um só Deus, eternamente subsistente em três pessoas: o Pai, o Filho e o Espírito Santo (Dt 6.4; Mt 28.19; Mc 12.29).
Pacto de Lausanne – Suíça
Teses de Martinho Lutero
95 Teses de Lutero
Clique e acesse todo texto.

Ensino Dominical