sexta-feira, novembro 23

ATUALIZAÇÃO - A Mãe do Presidente do STF - Posse do Min. Joaquim Barbosa...Por Trás...orações - e As Assembléias de Deus

A Mãe do Presidente do STF.
Na primeira fila, mãe de Barbosa diz que vai ‘chorar muito’
- por Cristina Lôbo – Os Bastidores da Política - qui, 22/11/12
-A mãe do empossado presidente do STF Min. Joaquim Benedito Barbosa é membro das Assembleias de Deus, a mais de 50 anos!

              'O que dei foi oração, ele lutou por conta própria', diz mãe de Joaquim Barbosa
FERNANDA ODILLA-DE BRASÍLIA
Sentada na primeira fila do plenário do STF (Supremo Tribunal Federal), Benedita Barbosa aguarda ansiosa para ver seu filho, o ministro Joaquim Barbosa, assumir a presidência da mais alta corte do Brasil.
Para Benedita, o ministro é um batalhador que traçou o próprio caminho.
"O que eu dei foi oração, ele lutou por conta própria", disse, enquanto distribuía abraços e beijos nos sobrinhos e netos que vieram prestigiar a posse de seu filho.
Benedita diz que não preparou nada especial para Barbosa no dia da posse.
Ficou feliz que conseguiu dar um abraço no filho antes da cerimônia. "Não dou conta mais de cozinhar", afirma, lembrando que o que o novo presidente do STF mais gosta de comer é "galinha caipira".
Questionada qual seria o próximo passo de Barbosa, Benedita desconversa. "Só Ele sabe".
NÃO DESTAQUEI ONTEM... a nota destoante, da alegria presente na posse, foi a sisudez da Nobre Pres. Dilma, não sorriu em um só momento, exceto ao falar com o Vice-Presidente empossado Min. Lewandowisk...
Minhas considerações...
Após ler a matéria título.
Algo além na vida do Ministro Joaquim Benedito Barbosa...a fé exercida por sua mãe!
Além de parabenizar a Sua Exca. Ministro Joaquim Benedito Barbosa, empossado hoje como Presidente do Supremo Tribunal Federal, a Suprema Corte do País, passando a ser o terceiro homem, em importância de Chefia de um dos Poderes da Nação Brasileira, Executivo, Legislativo são os demais.
Fico fiquei surpreso ao saber da sua vida familiar os laços religiosos, passam pela Nossa Assembleia de Deus, através da Senhora mãe do Ministro, Benedita Barbosa.
Aliás, o nome do ministro é a junção dos nomes de seus pais, Joaquim o nome do pai e o correspondente masculino do nome de sua mãe, Benedita, gerando:
Joaquim Benedito Barbosa Gomes.
Mãe de Ministro, Benedita Barbosa, 76 anos (à direita, na foto), esta é a mãe do ministro Joaquim Barbosa, foi acomodada na primeira fila do plenário do Supremo Tribunal Federal para acompanhar a posse do filho na presidência do STF.
Ela dizia que não conseguiria segurar as lágrimas e ‘vai’ “chorar muito”.
A mãe do ministro se diz “crente” há 52 anos, da Assembleia de Deus e afirma que o filho pode até não frequentar igreja, mas lê a Bíblia.Deus abençoe a nossa Justiça e ao Ministro recém-empossado.
O que disseram, os convidados e Membros do STF
                                   O ministro Luiz Fux [escolhido pelo próprio Min Joaquim Barbosa, para falar em nome do STF] afirmou nesta quinta (22), em discurso durante a solenidade de posse de Joaquim Barbosa na presidência do Supremo Tribunal Federal (STF), que o colega é "paradigma de cultura, independência, coragem e honradez". 
Fux afirmou que Barbosa se destaca pela “lavra de seus julgados e a inteligência singular de sua pena”. O ministro também destacou o “senso ético” do novo presidente do Supremo nos julgamentos.
Milton Gonçalves, que afirmou que Barbosa está na presidência do Supremo por "mérito".
"Ele tem que ser lembrado pela capacidade, pelo raciocínio, por aquilo que ele empregou na juventude, na adolescência, para se tornar um homem dessa importância. Óbvio que, como negro, eu su copartícipe, parceiro dele, mas ele esta lá só por mérito, por mérito, só isso."
                                   Lázaro Ramos citou que Joaquim Barbosa deve usar a "sabedoria" no cargo de presidente do Supremo. "Acho que é uma palavra: sabedoria. Porque imagino que a Justiça não seja uma coisa tão simples de se fazer, então tem que ser sábio a cada situação."
                                   O primo dele Silvânio Souza disse que a família toda está muito orgulhosa. "É muito orgulho para a nossa família. A gente se sente muito envaidecido", disse Souza, que é servidor público.
A História do Presidente do Judiciário Brasileiro.
Filho de um caminhoneiro e sua mãe trabalhou como faxineira.
É um capítulo que estimula aos pobres alunos de escolas públicas, a perseverar independente, de qual, seja a Escola.
Não quero com isto tirar os grandes desafios a serem, ainda, vencidos pelas Escolas públicas brasileiras – em geral, do básico ao grau médio – e dos alunos destas escolas, que ainda são maioria, nas grandes Universidades Públicas, como soi acontecer, o reverso nos estudos acadêmicos, os pobres estudam nas escolas públicas, até ao nível médio, e depois os ricos, em sua maioria dominam as grandes Universidades Públicas, advindos das escolas pagas.
Além de ser desnecessário destacar a questão do Negro, em pauta, pois, o próprio Ministro é hoje um emblemático vexilário, em si mesmo, das lutas dos afro-descendentes, como eu, neto de escravo da Lei do Ventre-Livre e bisneto de escravo alforriado.
E a História...
De Faxineiro a Presidente do STF
Com dignidade, estudo e foco
Joaquim Barbosa chegou a Brasília no início dos anos 1970, e um dos primeiros empregos foi o de faxineiro no Tribunal Regional Eleitoral.
Trabalhou como compositor gráfico no jornal “Correio Braziliense” e no Senado.
Fala ainda alemão e italiano, inglês, francês.
A primeira a ser aprendida foi o Inglês.
Formação Acadêmica
- Direito pela Universidade de Brasília (Unb);
- Doutor e Mestre em Direito Público pela Universidade de Paris II.
Prestou e passou em concurso para oficial de chancelaria do Ministério das Relações Exteriores, tentou a carreira diplomática, mas não foi selecionado na entrevista.
Carreira Jurídica
- Ministério Público Federal, onde atuou de 1993 a 2003, ano em que foi indicado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para integrar o Supremo, convertendo-se no primeiro ministro negro a assumir a presidência do STF na história do país.
Parabéns Ministro Joaquim Barbosa!
Importante:
Eu acho excelente a informação da também, excelente Colunista, mas porque será que a Imprensa não informa direto, quando se trata de religiosidade dos crentes.
A mãe do empossado presidente do STF Min. Joaquim Benedito Barbosa é membro das Assembleias de Deus, a mais de 50 anos!
Mas, valeu a informação, que poucos Órgãos de Imprensa não buscaram e nem deram conta.
Parabéns a Cristina Lôbo, Colunista do G1 e da Rede GloboNews.

Nenhum comentário:

Seguidores

Ocorreu um erro neste gadget

Geografia Bíblica-Texto-Local!

Para quem estuda a Arqueologia - Mapas do Antigo Testamento e do Novo Testamento.
Viaje à Terra Santa pelo seu PC, ou qualquer lugar citado na Bíblia! Com ela você pode através do texto que está lendo ter acesso ao local onde ocorreu o fato bíblico! Forma gratuita, é só clicar e acessar:

Ser Solidário

Seja solidário
"Um dia vieram e levaram meu vizinho que era judeu. Como não sou judeu, não me incomodei. No dia seguinte, vieram e levaram meu outro vizinho que era comunista. Como não sou comunista, não me incomodei . No terceiro dia vieram e levaram meu vizinho católico. Como não sou católico, não me incomodei. No quarto dia, vieram e me levaram; já não havia mais ninguém para reclamar..."
Martin Niemöller, 1933

Doutrina


O Credo da Assembléia de Deus
A declaração de fé da Igreja Evangélica Assembléia de Deus não se fundamenta na teologia liberal, mas no conservadorismo protestante que afirma entre outras verdades principais, a crença em:
1)Em um só Deus, eternamente subsistente em três pessoas: o Pai, o Filho e o Espírito Santo (Dt 6.4; Mt 28.19; Mc 12.29).
Pacto de Lausanne – Suíça
Teses de Martinho Lutero
95 Teses de Lutero
Clique e acesse todo texto.

Ensino Dominical