sexta-feira, janeiro 9

O Padrão da Lei Moral - 1ª PARTE EM EDIÇÃO Lição 02 – CPAD – 1º Trimestre 2015

O Padrão da Lei Moral - 1ª PARTE EM EDIÇÃO
Lição 02 – CPAD – 1º Trimestre 2015
Tudo da vida é ético, e tudo da vida é permeado com preocupações éticas”. Greg L. Bahnsen
Edição e Estudo Pr Osvarela
Então vos anunciou ele a sua aliança que vos ordenou cumprir, os dez mandamentos, e os escreveu em duas tábuas de pedra”. Deuteronômio 4:13
Apoio Textual
Não acrescentareis à palavra que vos mando, nem diminuireis dela, para que guardeis os mandamentos do Senhor vosso Deus, que eu vos mando. Deuteronômio 4:2
Porém vós, que vos achegastes ao Senhor vosso Deus, hoje todos estais vivos. Deuteronômio 4:4
Guardai-os pois, e cumpri-os, porque isso será a vossa sabedoria e o vosso entendimento perante os olhos dos povos, que ouvirão todos estes estatutos, e dirão: Este grande povo é nação sábia e entendida. Deuteronômio 4:6
Deuteronômio 9:9-11
Subindo eu ao monte a receber as tábuas de pedra, as tábuas da aliança que o Senhor fizera convosco, então fiquei no monte quarenta dias e quarenta noites; pão não comi, e água não bebi;
E o Senhor me deu as duas tábuas de pedra, escritas com o dedo de Deus; e nelas estava escrito conforme a todas aquelas palavras que o Senhor tinha falado convosco no monte, do meio do fogo, no dia da assembléia.
Sucedeu, pois, que ao fim dos quarenta dias e quarenta noites, o Senhor me deu as duas tábuas de pedra, as tábuas da aliança.
Deuteronômio 10:1-5
Naquele mesmo tempo me disse o SENHOR: Alisa duas tábuas de pedra, como as primeiras, e sobe a mim ao monte, e faze-te uma arca de madeira;
E naquelas tábuas escreverei as palavras que estavam nas primeiras tábuas, que quebraste, e as porás na arca.
Assim, fiz uma arca de madeira de acácia, e alisei duas tábuas de pedra, como as primeiras; e subi ao monte com as duas tábuas na minha mão.
Então escreveu nas tábuas, conforme à primeira escritura, os dez mandamentos, que o Senhor vos falara no dia da assembléia, no monte, do meio do fogo; e o Senhor mas deu a mim;
E virei-me, e desci do monte, e pus as tábuas na arca que fizera; e ali estão, como o Senhor me ordenou.
Exórdio
O padrão das Escrituras é totalmente ético, com condenação a toda ação humana, fora dos padrões divinos. Israel recebeu a Lei com este conteúdo moral elevado que traspassou séculos e Eras da civilização humana e atingiu a todo o conteúdo moral dos Povos.
Isto só, nos garante e aponta para a existência de uma ação divinamente orquestrada para o bem viver dos homens.
Embora este trecho estudado aponte para regras morais, há outras porções bíblicas que são notórias no conteúdo bíblico, mas de ponta a ponta a Bíblia aponta a Moralidade como um Padrão divinamente estabelecido para que o homem alcance longos dias e se encontre com Deus.

Baseadas nos atributos do próprio Deus, um ser perfeito, ético e justo, suas leis são éticas, boas, justas, santa e perfeita e implicam em uma moralidade a ser reproduzida por todos nós.
Porém, a sua Graça e bondade permitem que todos possam vivenciar, mesmo como mortais estas Leis morais, sob a ação da Graça eterna.
A Bíblia inteira é um padrão ético a ser coligido nos corações dos homens, pois ela é a Palavra Imutável e o padrão comportamental que Deus declarou aos homens, para viverem, segundo suas possibilidades humanas, segundo sua ética e Amor.
Nenhuma de suas estipulações, ou ‘regras’ podem ser consideradas impossíveis de serem vividas, ou serem consideradas duras demais ou permissivas demais.
Exercer a “nomia” divina é obrigatório, assim como o exercício da punição divina é certo. A justiça divina está originária e necessariamente obrigada a punir o mal, não porém a recompensar o bem, Lc 17.10; 1 Co 4.7; Jo 41.11.
Assim, cumprir os Mandamentos e exercitar o Padrão moral bíblico é um dever e uma necessidade para “que te vá bem”. É simplesmente dever de todo ser humano obedecer a estes Mandamentos.
Eles são como uma garantia divina da qual todo homem ao exercê-los será bem sucedido em todos os seus caminhos.
Deus
Ele é a garantia da lei e seu Padrão Moral!  Ele estabelece estes padrões de moralidade Inter homem e inter teo-antropos como forma de santificação. Quando muitos acham que costumes não servem de padrão a lei cita e elenca itens sobre costumes, mas referendados por Deus.
Há dificuldade para entendermos alguns itens da Lei.
Se comprares um servo hebreu, seis anos servirá; mas ao sétimo sairá livre, de graça. Se seu senhor lhe houver dado uma mulher e ela lhe houver dado filhos ou filhas, a mulher e seus filhos serão de seu senhor, e ele sairá sozinho. Mas se aquele servo expressamente disser: Eu amo a meu senhor, e a minha mulher, e a meus filhos; não quero sair livre, Então seu senhor o levará aos juízes, e o fará chegar à porta, ou ao umbral da porta, e seu senhor lhe furará a orelha com uma sovela; e ele o servirá para sempre. E se um homem vender sua filha para ser serva, ela não sairá como saem os servos. Êxodo 21:2-7
Um servo era alguém que fora vendido por pais empobrecidos, ou vendido por roubo, ou que vendia-se a si mesmo em paga de algum ato, ou empobrecimento. Contudo ele não se tornava escravo por toda a vida, havia a instituição do Jubileu, ano da alforria e libertação do pobre de suas dívidas e do servo (escravo).
A lei de qualquer forma procurava dar certa provisão e cobertura material as noivas escravas. (Ex 22.7-11).
Como escravos, venda de algum filho ou filha como serva. No entanto, é necessário contemporizar os costumes naturais e reais naqueles idos e região onde habitavam os hebreus.
A relação conflituosa que leva a vida de alguém tem sido ao longo dos tempos discutida entre os povos, vamos encontra-la ali na lei Moral.
Êxodo 21:12 Quem ferir alguém, de modo que este morra, certamente será morto.
Mas, estes são itens que foram inseridos para que houvesse um padrão de respeito à Vida
Vamos encontrar até correição e forma de controle de atividades como Rapto de humanos, amaldiçoar pai e mãe, ferir alguém em luta corporal, ferir uma mulher grávida, ferir o olho de um servo alheio, dente, gravames físicos por animal de alguém.
Encontraremos distinção entre furto e roubo. Um ladrão deveria pagar o que roubou, ou seja restituir. Se um ladrão entrasse á noite em uma propriedade e fosse morto pelo dono da casa, este seria absolvido desta morte, contudo se o ladrão entrasse durante o dia, o que o matasse seria acusado de assassinato, pois ele teria como, posteriormente, identificar o tal ladrão e este ou sua família lhe restituiria o que fora roubado.
Indenização por danos materiais e morais.
Invasão de propriedade alheia.
Preceitos ambientais, como prevenção de fogo na colheita de alguém.
Regra agrícola com viés ambiental.
Em tempos que se fala de fome no Mundo podemos usar esta regra para mostrar aos homens usurários, o quanto eles desperdiçam e comprometem as nossas Terras agriculturáveis, ao trabalharem a terra sem descanso, mesmo que seja com rodízio de cultura agrícola.
Também seis anos semearás tua terra, e recolherás os seus frutos; Mas ao sétimo a dispensarás e deixarás descansar Êxodo 23:10-11
Cuidando dos descuidados e necessitados.
Os pobres que vivem no Mundo são maioria. Porém, sabe-se que a maior parte dos bens e riquezas estão concentradas nas mãos de poucas famílias ou pessoas. Estas poucas pessoas fazem questão de desconhecer os ditames bíblicos e com voraz apetite acumulador se fazem cada dia mais ricos as custas dos pobres.
Mesmo em nosso meio, Igreja, vemos alguns que já parecem não se importar com os pobres como a Igreja de Paulo, Pedro.
Se emprestares dinheiro ao meu povo, ao pobre que está contigo, não te haverás com ele como um usurário; não lhe imporeis usura. Se tomares em penhor a roupa do teu próximo, lho restituirás antes do pôr do sol...Porque aquela é a sua cobertura, e o vestido da sua pele; em que se deitaria?
A Deus não amaldiçoarás, e o príncipe dentre o teu povo não maldirás.
É um item moral dos mais fortes a ser observado pelo Evangelho atual, o Evangelho da prosperidade quer transformar todos em novos ricos, parecendo que assim, pode resolver o problema dos pobres!
Parecem que esquecem dos ditos de Jesus Cristo: “Porquanto sempre tendes convosco os pobres, mas a mim não me haveis de ter sempre”. Mateus 26:11
Ou seja, é necessário uma Igreja que promova a obediência aos itens morais, numa forma de combater mudança de parâmetros que Jesus e as Escrituras promovem como divinos. Seria a Igreja, uma parte da sociedade dos humanos, também passível de mudança?
Conforme está escrito: Espalhou, deu aos pobres; a sua justiça permanece para sempre. 2 Coríntios 9:9
Continuam os itens do Padrão Moral:
Negócios fraudulentos.
Aluguel de bens e propriedades.
Assédio moral de virgem.
Distúrbios de multidão.
Contra o suborno.
Contra a falsidade
Encontraremos um Padrão Moral de elevado valor, quando a Lei Moral determina respeito humano com a Criação, com o Criador.
Aqueles que não podem se defender tem um Defensor potente o próprio Deus! Será pois que, quando clamar a mim, eu o ouvirei, porque sou misericordioso.
É a forma de Deus consolidar o exercício de Governante de Israel como patrono das causas diversificadas.
Da mesma forma Ele O Senhor YAWEH garante a obediência da lei através de seus prepostos.
Santidade é uma proposta dos padrões Morais elencados na Lei.
Êxodo 22:31 E ser-me-eis homens santos;
Em tempos atuais, e neotestamentários podemos inferir que o NT manteve o Padrão ao considerar, seja através de Jesus ou dos Apóstolos as autoridades como Ministros de Deus para fazer cumprir a Lei (aqui Lei de toda ordem, seja a divina ou as Legislativas).
2 Pedro 2:10 Mas principalmente aqueles que segundo a carne andam em concupiscências de imundícia, e desprezam as autoridades; atrevidos, obstinados, não receando blasfemar das dignidades; 1 Pedro 2:13-17 Sujeitai-vos, pois, a toda a ordenação humana por amor do Senhor; quer ao rei, como superior; Quer aos governadores, como por ele enviados para castigo dos malfeitores, e para louvor dos que fazem o bem... Como livres, e não tendo a liberdade por cobertura da malícia, mas como servos de Deus. Honrai a todos. Temei a Deus. Honrai ao rei.
Para nós a Igreja devemos entender que nosso Pastores e líderes encontram respaldo nesta Constituinte eterna. Êxodo 22:28 A Deus não amaldiçoarás, e o príncipe dentre o teu povo não maldirás.
A lógica deste padrão Ex 22.28 é que os representantes de Deus merecem a mesma honra daquele que eles representam.
Moralidade e Atualidade.
Em época de dificuldade e libertária em termos de padrões morais, pois não se pode apontar certos atos e modos de vida de alguns. Vemos que Deus se preocupa com a vida intima e pessoal de um povo para que não surgissem aberrações e atos imorais entre seu Povo. Haja vista, que algumas doenças são notoriamente citadas na Ciência como fruto de relacionamentos imorais e indecentes de alguém com alguma espécie que não a sua, ou desvios de comportamento, em algum momento, seja por desconhecimento ou por desvio mental.
Romanos 1:23-28 E mudaram a glória do Deus incorruptível em semelhança da imagem de homem corruptível, e de aves, e de quadrúpedes, e de répteis. Por isso também Deus os entregou às concupiscências de seus corações, à imundícia, para desonrarem seus corpos entre si; ... Deus os abandonou às paixões infames. Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural, no contrário à natureza. E, semelhantemente, também os homens, ... cometendo torpeza e recebendo em si mesmos a recompensa que convinha ao seu erro...assim Deus os entregou a um sentimento perverso, para fazerem coisas que não convêm;
Mas, pode dizer alguém se alguém não conhece este padrão de lei como o seguirá, encontramos respostas na própria criação, no Gênesis:
E disse o Senhor Deus: Não é bom que o homem esteja só; far-lhe-ei uma ajudadora idônea para ele. Havendo, pois, o Senhor Deus formado da terra todo o animal do campo, e toda a ave dos céus, os trouxe a Adão, para este ver como lhes chamaria; e tudo o que Adão chamou a toda a alma vivente, isso foi o seu nome. Portanto deixará o homem o seu pai e a sua mãe, e apegar-se-á à sua mulher, e serão ambos uma carne. E ambos estavam nus, o homem e a sua mulher; e não se envergonhavam” 2:18;25
Portanto, a criação busca o seu par e conhece o que lhes foi informado de maneira genética.
Todo aquele que se deitar com animal, certamente morrerá.
O que sacrificar aos deuses, e não só ao Senhor, será morto.
A nenhuma viúva nem órfão afligireis. Afligir é o mesmo que tratar alguém com desprezo, como Penina tratava Ana. I Sm1
Se de algum modo os afligires, e eles clamarem a mim, eu certamente ouvirei o seu clamor.
CONTINUA

Nenhum comentário:

Seguidores

Ocorreu um erro neste gadget

Geografia Bíblica-Texto-Local!

Para quem estuda a Arqueologia - Mapas do Antigo Testamento e do Novo Testamento.
Viaje à Terra Santa pelo seu PC, ou qualquer lugar citado na Bíblia! Com ela você pode através do texto que está lendo ter acesso ao local onde ocorreu o fato bíblico! Forma gratuita, é só clicar e acessar:

Ser Solidário

Seja solidário
"Um dia vieram e levaram meu vizinho que era judeu. Como não sou judeu, não me incomodei. No dia seguinte, vieram e levaram meu outro vizinho que era comunista. Como não sou comunista, não me incomodei . No terceiro dia vieram e levaram meu vizinho católico. Como não sou católico, não me incomodei. No quarto dia, vieram e me levaram; já não havia mais ninguém para reclamar..."
Martin Niemöller, 1933

Doutrina


O Credo da Assembléia de Deus
A declaração de fé da Igreja Evangélica Assembléia de Deus não se fundamenta na teologia liberal, mas no conservadorismo protestante que afirma entre outras verdades principais, a crença em:
1)Em um só Deus, eternamente subsistente em três pessoas: o Pai, o Filho e o Espírito Santo (Dt 6.4; Mt 28.19; Mc 12.29).
Pacto de Lausanne – Suíça
Teses de Martinho Lutero
95 Teses de Lutero
Clique e acesse todo texto.

Ensino Dominical