segunda-feira, dezembro 15

A Polêmica do Aborto Livre, continua....

STF - Supremo Tribunal Federal ouviu a sociedade brasileira, em audiências públicas, sobre a questão de tornar o Aborto descriminalizado no Brasil.
Foto:A ministra Nilcéia Freire, da Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres.
A Ministra é favorável ao aborto em casos de anencefalia.
Marcello Casal Jr./ABr
Há argumentos à favor e há argumentos contra.
Aqueles que são à favor defendem a liberdade da mulher sobre seu próprio corpo.
Os que são contra, tem como principal argumento a defesa da vida do feto, por ser um ser único e independente, que embora gerado pela mãe, não deve ser abortado em seu direito de viver por outra pessoa, principalmente por estar indefeso, e só para exemplificar, um dos argumentos menores [há outros de cunho teológico e científico] e , com base no Estatuto da Criança, o feto 'tem que' e deve ser protegido.
Já discorremos sobre o assunto em matéria neste site.
Mas a fala do Presidente lula parece que reacendeu o assunto, durante reunião de Movimentos sociais adeptos da liberação do Aborto.A agressividade cresceu até contra o Presidente da Câmara Federal.
Leia as últimas notícias sobre o assunto, que esquentou em debate interno na membresia e lideranças das Assembléias de Deus [Ministérios ligados a CGADB], que não enviaram participantes para as primeiras audiências no STF.
"CGADB PODERÁ PARTICIPAR DE AUDIÊNCIA PÚBLICA NO STF ".
Depois de termos noticiado nesse blog acerca da não participação da CGADB nas audiências do STF acerca do aborto dos anencéfalos, muito água rolou debaixo da ponte. O debate transitou também pelo blog do Pr. Geremias do Couto, e, entre várias manifestações, percebeu-se que o silêncio da CGADB não se deu por premeditação, mas - talvez - pela falta de atuação constante nessas esferas..."
O CASO DOS BEBÊS ANENCÉFALOS - PODE A LEI CRIAR UMA RAÇA SEM DEFEITOS?

ATUALIZANDO A INFORMAÇÃO......
A POSIÇÃO DO PRESIDENTE LUÍS IGNÁCIO LULA DA SILVA!

Lula diz que aborto é questão de saúde pública e defende debate sobre o tema
15/12/08 -
Presidente reafirma posição contra, mas se diz favorável ao debate.
'Madames' recorrem ao exterior e 'pobres morrem na periferia', disse.
Eduardo Bresciani Do G1, em Brasília

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva fez, nesta segunda-feira (15), uma defesa pública da discussão sobre a legalização do aborto. Apesar de reafirmar sua posição contra o aborto, o presidente afirmou que o assunto precisa ser discutido como “uma questão de saúde pública”. Ele participou da abertura da 11ª Conferência Nacional dos Direitos Humanos, em Brasília.
“Sobre a questão do aborto, não se trata de ser contra ou a favor, mas de discutirmos com muita franqueza, porque é uma questão de saúde publica. Se perguntarem para mim, eu sou contra, mas, meu Deus do céu, quantas madames vão fazer aborto em outro país enquanto as mulheres pobres morrem na periferia dos centros urbanos?”, indagou.

A declaração do presidente agradou a platéia, formada por militantes de movimentos sociais. Antes da fala de Lula, diversas vezes os manifestantes haviam gritado palavras de ordem pela legalização do aborto.

Os militantes, inclusive, já haviam vaiado o presidente da Câmara, Arlindo Chinaglia (PT-SP), justamente por ele ter autorizado a criação de uma CPI na Casa para investigar o aborto clandestino.

RELEMBRANDO.........

STF continuará audiência sobre aborto por anencefalia no dia 16.

04/09/08 -

Especialistas participaram de terceira audiência sobre o tema nesta quinta.
Mais cedo, Temporão defendeu aborto em caso de fetos sem cérebro.

Diego AbreuDo G1, em Brasília

O Supremo Tribunal Federal (STF) dará prosseguimento no dia 16 de setembro à audiência pública que discute a possibilidade de interrupção da gravidez em caso de fetos anencéfalos (sem cérebro). Nesta quinta-feira (4), o ministro da Saúde, José Gomes Temporão, defendeu a realização de aborto quando há constatação da anencefalia, durante sua exposição oral no STF.

A professora de antropologia e representante da Rede Nacional Feminista de Saúde, Lia Zanotta Machado, também se posicionou de forma favorável à interrupção da gravidez, no caso de fetos com malformação cerebral. Ela expôs, durante sua participação na audiência, o caso de quatro mulheres que geraram fetos anencéfalos.

Nenhum comentário:

Seguidores

Ocorreu um erro neste gadget

Geografia Bíblica-Texto-Local!

Para quem estuda a Arqueologia - Mapas do Antigo Testamento e do Novo Testamento.
Viaje à Terra Santa pelo seu PC, ou qualquer lugar citado na Bíblia! Com ela você pode através do texto que está lendo ter acesso ao local onde ocorreu o fato bíblico! Forma gratuita, é só clicar e acessar:

Ser Solidário

Seja solidário
"Um dia vieram e levaram meu vizinho que era judeu. Como não sou judeu, não me incomodei. No dia seguinte, vieram e levaram meu outro vizinho que era comunista. Como não sou comunista, não me incomodei . No terceiro dia vieram e levaram meu vizinho católico. Como não sou católico, não me incomodei. No quarto dia, vieram e me levaram; já não havia mais ninguém para reclamar..."
Martin Niemöller, 1933

Doutrina


O Credo da Assembléia de Deus
A declaração de fé da Igreja Evangélica Assembléia de Deus não se fundamenta na teologia liberal, mas no conservadorismo protestante que afirma entre outras verdades principais, a crença em:
1)Em um só Deus, eternamente subsistente em três pessoas: o Pai, o Filho e o Espírito Santo (Dt 6.4; Mt 28.19; Mc 12.29).
Pacto de Lausanne – Suíça
Teses de Martinho Lutero
95 Teses de Lutero
Clique e acesse todo texto.

Ensino Dominical