segunda-feira, outubro 17

England - Pesquisas mostram que os Ingleses Pensam de Deus, Fé e da Família! A Política do "políticamente correto' destói a Crença em Deus!


Estatísticas Reveladoras e Assustadoras, sobre a Religião ou Fé [Deus] na Grã-Bretanha!
YouGov – Cambridge University -
Religião está colocada abaixo de Hábitos de Higiene.
Oséias 2.8,9. Ora, ela não reconhece que fui eu o que lhe dei o grão, e o vinho, e o azeite, e que lhe multipliquei a prata e o ouro, que eles usaram ...
O que os Britânicos estão pensando de: Família, Religião e Deus?

Passaporte sem sexo do portador, para não ferir a suscetibilidade de alguns.

Documento de Nascimento, ou de Identificação sem sexo dos Pais.

Apenas Pai[gerador] 1 e Pai[gerador] 2, em Lugar de Pai e Mãe!
As nações protestantes, ou que não se renderam ao jugo religioso de Roma, nos séculos passados estão deixando sua fé desvanecer, de maneira ingrata para com Deus, que as honrou em seus exitosos anos de conquistas.
O Departamento de Estado dos EUA do tentou fazer o mesmo antes, mas foi finalmente decidido não remover as duas palavras a partir de pedidos de passaporte dos EUA.
O assunto sobre novidades no campo das relações de gênero tem sido cada vez mais popular recentemente.
Não há muito tempo, Pravda.Ru escreveu sobre o jardim de infância na Suécia, que se tornou mundialmente famoso após sua administração decidiu simplesmente abolir o uso dos pronomes "ele" e "ela".
Job 21. 14-15. 
Eles dizem a Deus: retira-te de nós, pois não desejamos ter conhecimento dos teus caminhos. Que é o Todo-Poderoso, para que nós o sirvamos? E que nos aproveitará, se lhe fizermos orações? 
Higiene é mais Importante do que Crer em Deus! 
Veja Mapa abaixo e leia a Pesquisa.

Alemanha, Inglaterra, EUA, Escócia, Suécia [sim! A nossa mãe origem dos nossos patriarcas, Gunnar Vingrem e Dan Berg] que foram berços de muitos missionários e pregadores de multidões.
Homens que pregavam o Evangelho com ardor estão desprezando, em nome da nova moda de tratar as pessoas, sem defini-las por sexo, como Pai e Mãe, mas como um ser que gerou a vida, tão somente, por conta de minorias, que exibem uma força, uma musculatura social.
Bem organizadas vão influenciando a todos, apesar de se dizerem minoria.
É a ditadura antidemocrática da minoria, numa obra de desarranjo social, uma reorganização, uma re-engenharia familiar e social, a qual os Governos se curvam para não serem tachados de retrógados, além do grande auxílio midiático, na moda, na beleza, nos filmes, nas artes em geral.
Assim, o chamado politicamente correto tem destruído muito dos valores morais estabelecidos nas leis, diria até, de todas as nações civilizadas, com base na crença em Deus.
Havia uma teogonia [noção formadora do pensamento sobre o Universo, governo místico, deuses e caos], que manteve estes países em sucesso, mesmo os EUA, que tem a mesma variação de formação como o Brasil, porém se destacou como um país de grandes homens, da ciência, da educação, da moralidade e do Poder Mundial, tem sido envoltos nesta nova forma de pensar.
Ex.4.11. Ao que lhe replicou o Senhor: Quem faz a boca do homem? ou quem faz o mudo, ou o surdo, ou o que vê, ou o cego?. Não sou eu, o Senhor?
Destaco aqui, que há módulos do politicamente, que não são novos, os quais Moisés o grande legislador, já incluira, nas leis que formaram um conjunto de Direito Penal, Cível e Criminal.
Eles estão lá, para quem quiser lê-las nas Escrituras Sagradas.
Dt.27.18. Maldito aquele que fizer que o cego erre do caminho. E todo o povo dirá: Amém.
São pontos que a Igreja deve utilizar, não porque é ‘politicamente correto’, mas por serem ordenação social divina.
Deus diz, que Ele forma o cego:
Lv.19.14. Não amaldiçoarás ao surdo, nem porás tropeço diante do cego; mas temerás a teu Deus. Eu sou o Senhor.
As pesquisas indicam que os britânicos querem dissociar religião do Estado.
Contudo, mesmo que aparentemente seja correto, parece-me que a questão não é a dissociação, mas entender a ação.
Qual a ação?
Deus lhes deu condição para que se fizessem exitosos em todos os parâmetros da suas vidas:
Família
Estudos
Riqueza
Navegação
Enquanto eles tiveram entre seus súditos homens comprometidos com a visão missionária, ainda que muitos não entendam desta maneira, o sucesso lhes parecia natural.
Jr.31.8. Eis que os trarei da terra do norte e os congregarei das extremidades da terra; e com eles os cegos e aleijados, as mulheres grávidas e as de parto juntamente; em grande companhia voltarão para cá.
Family Education Trust: "Assim como os que promovem a igualdade e a diversidade social gostariam que fosse de outra forma, ainda é necessário um pai e uma mãe para produzir uma criança '
Não é a laicidade, ou não laicidade que forma a teogonia.
Mas, a teogonia está expressa nas pesquisas sobre o entendimento da formação do envoltório do pensamento dominante de quem é o Ser importante, no qual se crê ou por quem devemos reger a nossa forma de vida.
A formação da Nação, os critérios de formação da cultura, das políticas de ajuda, sociais ou não em atender ao pobre, e na importância da formação da moralidade da ciência, convívio e outros importantes aspectos de um Povo:
Crer ou não crer em Deus.
Deste ponto, partimos para o entendimento da necessidade ou não necessidade;
Da busca ou não Buscar;
Da moralidade ou não moralidade [aqui entenda, como padrão natural evidente no ser humano, como Romanos 1.19.ss explica];
Quanto aos deficientes físicos, a Bíblia nos ensina algumas coisas interessantes.
Sem contarmos com o convite para todos serem buscados para a casa de Deus.
Encontramos nas Escrituras o Patriarca Job dizendo como ele era ‘politicamente correto’, há quase milhares de anos atrás.
Job 1. 21,22. e disse: Nu saí do ventre de minha mãe, e nu tornarei para lá. O Senhor deu, e o Senhor tirou; bendito seja o nome do Senhor. Em tudo isso Jó não pecou, nem atribuiu a Deus falta alguma.
Sob a Luz da sua teogonia, na qual o mérito de seu sucesso em tudo, família, riquezas, bens e amigos, além de sua civilidade em ser parte da comunidade, na qual vivia e participava como um dos príncipes ou juiz de casos e de grande importância, que até mesmo os meninos da rua o saudavam.
Tudo isto lhe fazia ser uma agente desta ‘política’.
Job 29.15. Fazia-me olhos para o cego, e pés para o coxo;
É por isto que a pesquisa publicada por um Instituto em cooperação com a famosa Universidade de Cambridge me chamou a atenção.
Pela aparente demonstração de mudança da teogonia entre os ingleses.
Eles estão como Israel, pensam que foi seu esforço e inteligência, que lhes alçou vôo da Riqueza ‘countrie’, já não se lembram da mão mística que empurrou as suas embarcações e do sopro sobrenatural, que as fez içar as velas sobre outros países, inclusive na II Grande Guerra Mundial!
Em nome desta política se esquecem e deixam Deus de fora de suas relações.
Passaporte, sem nome ou identificação de sexo.
Certidão de nascimento sem qualificação sexual dos pais.
Como, uma frase, a qual li no ‘Mail on line’, coloco a minha mente a disposição da normalidade teogonica de quem acredita no Deus Criador e digo:
Mesmo que eles deixem de apontar, nos documentos, Pai e Mãe, aonde estiver um bebê, todos saberão, principalmente os céus que ali, a mão formadora de Deus, afirma a todos os que a virem, foi originada da expressão: ‘Multiplicai-vos’, e reconhecerão ainda que não queiram, que houve a necessidade de um homem e uma mulher [direta ou indiretamente] para aquela criança estar ali”.Osvarela

Esta política se tornará opróbrio destas nações se elas se esquecerem do Senhor, que lhes ensina, o que elas dizem, ao deixarem ao Senhor:
Os.2.5 ..porque diz: Irei após os meus amantes, que me dão o meu pão e a minha água, a minha lã e o meu linho, o meu óleo e as minhas bebidas.
8,9. Ora, ela não reconhece que fui eu o que lhe dei o grão, e o vinho, e o azeite, e que lhe multipliquei a prata e o ouro, que eles usaram ... Portanto, tornarei a tirar o meu grão a seu tempo e o meu vinho no seu tempo determinado;
YouGov - Cambridge - Estatísticas reveladoras sobre a religião na Grã-Bretanha!
Religião está colocada abaixo de Hábitos de Higiene.
Uma pesquisa recente realizada pelo YouGov-Cambridge (colaboração entre pesquisadores YouGov e o Departamento de Política e Estudos Internacionais da Universidade de Cambridge) tem algumas estatísticas reveladoras sobre a religião no país.
Foram entrevistados 64.303 britânicos com mais de 18 anos de idade.
78% (82% das pessoas com mais de 55 anos) concordaram e 12% discordaram que a religião deve ser um assunto particular e não deve ser ligada à política.
Em resposta à pergunta “Qual é a sua religião?”
40% dos adultos disse “nenhuma religião”,
55% eram cristãos
5% de outras religiões
– entre os entrevistados entre 18 e 34, apenas 38% se dizem cristão
- Enquanto  53% diz não ter religião 
Dos 79% que concordaram:
- 11% discordaram que a religião é uma causa da miséria e das guerras no mundo de hoje 72% concordaram e 15% discordaram que a religião é usada como uma desculpa para a intolerância 35% concordaram e 45% discordaram que a religião colabora para o bem no mundo.
Além disso, entre as prioridades apontadas pelos pais para uma boa criação, hábito de higiene ficou em primeiro lugar e religião/fé em último (vide gráfico).
Além disso, a partir deste ano, os documentos oficiais expedidos na Inglaterra não usarão mais os termos tradicionais ‘pai’ e “mãe”.
Eles serão substituídos pelos termos oficiais “Pai 1” e “Pai 2”. As autoridades decidiram fazer essa opção “politicamente correta” para evitar constrangimento a casais do mesmo sexo.
Gospel Prime
Com informações EUTimes e Daily Atheist
The European Union Times:
Isto se tornou uma realização do grupo Stonewall, que defende os direitos das minorias sexuais. 
O Departamento de Estado dos EUA do tentou fazer o mesmo antes, mas foi finalmente decidido não remover as duas palavras a partir de pedidos de passaporte dos EUA.
O assunto sobre novidades no campo das relações de gênero tem sido cada vez mais popular recentemente.
Não há muito tempo, Pravda.Ru escreveu sobre o jardim de infância na Suécia, que se tornou mundialmente famoso após sua administração decidiu simplesmente abolir o uso dos pronomes "ele" e "ela".
No ano passado, o Parlamento Europeu publicou o folheto, que recomendou não usar 'Missus "as palavras e' Miss ',' Mademoiselle ',' Senhora 'e' Senhorita '. Do ponto de vista do Parlamento Europeu, o uso de tais palavras foi discriminação contra as mulheres porque elas claramente indicadas a sua identidade sexual.
Não tem que ser um expert para perceber que tais novidades em vários países não são apenas uma coincidência. É uma tendência, cujo objetivo é mudar a percepção pública do papel dos sexos na sociedade.
Pavel Parfentyev, o presidente da organização inter-regional público "Por Direitos da Família" também compartilha deste ponto de vista.
"Na verdade, esta é uma tendência internacional grave. Tudo começou nos anos setenta e oitenta como um poderoso movimento para defender os direitos das minorias sexuais. Havia organizações que ainda tentou defender os direitos dos pedófilos, que, como se acreditava, também teve os direitos para suas próprias preferências sexuais.
"As organizações publicamente disse que seu objetivo era destruir a família. Depois, sob a pressão da opinião pública, muitos ativistas decidiram recusar a partir do viés abertamente sexual em suas atividades. Eles seguiram em direção à proteção dos direitos humanos. Esta é a forma como eles abordam os direitos das crianças hoje. Eles pensam que as crianças devem ser protegidas contra o despotismo dos seus pais - a partir de qualquer formas de educação tradicional, isto é. , A fim de conseguir isso, é preciso destruir a família tradicional de primeira e fazer a família se tornar uma forma que escraviza e liga as crianças ", disse o especialista.
Para ser mais eficiente, os representantes de tais movimentos começaram a cooperar com as grandes organizações internacionais como a ONU eo Conselho da Europa. Isto levou à criação de um pequeno, embora um lobby muito forte para a protecção dos direitos das minorias sexuais no plano internacional, Pavel Parfentyev acredita. O lobby tem a intenção de distorcer a percepção da família tradicional na sociedade moderna.
Europe to destroy traditional family and sexual identity.
Traditional words ‘father’ and ‘mother’ will be replaced with official terms Parent 1 and Parent 2 in Britain. The terms will be used in official documents. The authorities decided to make such a “politically correct” move to accommodate same-sex couples. Experts are sure, though, that the matter is not about the requirements of certain social groups. The decision is another step towards the destruction of traditional families.
AS palavras tradicionais 'Pai' e "mãe" serão substituídas por termos oficiais que serão Pai 1 e Pai 2 na Grã-Bretanha.
Os termos serão usados ​​em documentos oficiais.
As autoridades decidiram fazer tal inserção para ser "politicamente correto" e para acomodar casais do mesmo sexo. Para os Especialistas a certeza, porém, é que a questão não é sobre os requisitos de determinados grupos sociais. A decisão é mais um passo para a destruição de famílias tradicionais.
The Real Agenda - by Svetlana Smetanina
Pravda - October 14, 2011
The European Union Times
Mail Online

Nenhum comentário:

Seguidores

Ocorreu um erro neste gadget

Geografia Bíblica-Texto-Local!

Para quem estuda a Arqueologia - Mapas do Antigo Testamento e do Novo Testamento.
Viaje à Terra Santa pelo seu PC, ou qualquer lugar citado na Bíblia! Com ela você pode através do texto que está lendo ter acesso ao local onde ocorreu o fato bíblico! Forma gratuita, é só clicar e acessar:

Ser Solidário

Seja solidário
"Um dia vieram e levaram meu vizinho que era judeu. Como não sou judeu, não me incomodei. No dia seguinte, vieram e levaram meu outro vizinho que era comunista. Como não sou comunista, não me incomodei . No terceiro dia vieram e levaram meu vizinho católico. Como não sou católico, não me incomodei. No quarto dia, vieram e me levaram; já não havia mais ninguém para reclamar..."
Martin Niemöller, 1933

Doutrina


O Credo da Assembléia de Deus
A declaração de fé da Igreja Evangélica Assembléia de Deus não se fundamenta na teologia liberal, mas no conservadorismo protestante que afirma entre outras verdades principais, a crença em:
1)Em um só Deus, eternamente subsistente em três pessoas: o Pai, o Filho e o Espírito Santo (Dt 6.4; Mt 28.19; Mc 12.29).
Pacto de Lausanne – Suíça
Teses de Martinho Lutero
95 Teses de Lutero
Clique e acesse todo texto.

Ensino Dominical