quinta-feira, março 14

Mahmoud Ahmadinejad - Presidente da República Muçulmana do Irã:Jesus Cristo é o Salvador, herdeiro da santidade!

Mahmoud Ahmadinejad acredita na Volta de Jesus Cristo?
Ele disse que Jesus Cristo é o Salvador, herdeiro da santidade e da perfeição!Ahmadinejad diz que presidente Hugo Chávez 'retornará no Juízo Final'
Clérigos conservadores criticaram a carta de Mahmoud Ahmadinejad aos venezuelanos, em que diz que ele Jesus Cristo voltará à Terra.
"Não tenho dúvidas de que ele [Chávez – in-memoriam] voltará juntamente com Cristo, o Salvador, herdeiro da santidade e da perfeição dos homens, e trará paz e justiça a todos."
08 de março de 2013 | 2h 13
CARACAS - O Estado de S.Paulo/ AP
Ao escrever uma carta de condolências a família de Hugo Diaz Chávez o falecido Presidente venezuelano, o líder do Irã disse acreditar que Chávez voltaria a Terra com Jesus.
Ou seja, ele teria mostrado crença em Jesus;
E uma Crença na volta de Cristo;
E crença na Ressurreição dos mortos em Jesus Cristo;
Algo inédito, saindo da boca de um muçulmano.
Além disto Ahmadinejad abraçou e chorou com a mãe do presidente morto, quebrando uma regra áurea para um homem muçulmano, tocar em público em uma mulher, cometendo pecado, segundo a religião muçulmana, e ainda mais uma mulher de outra religião, católico romana!
Ahmadinejad quebrou protocolos diplomáticos e religiosos numa ‘aparente’ demonstração de autonomia religiosa, haja vista o poder dos Aiatolás e dos Clérigos no regime do qual ele é Presidente eleito.
Ou seja, Mahmoud Ahmadinejad mostrou conhecimento pleno sobre – Jesus Cristo como Salvador e Redentor;
Conhecimento da Iminência, ou seja, da volta de Jesus e demonstra estar atento, a esta Iminente volta!
II Reis 5:17-18. E disse Naamã: Se não queres, dê-se a este teu servo uma carga de terra que baste para carregar duas mulas; porque nunca mais oferecerá este teu servo holocausto nem sacrifício a outros deuses, senão ao SENHOR.
Nisto perdoe o SENHOR a teu servo; quando meu senhor entrar na casa de Rimom para ali adorar, e ele se encostar na minha mão, e eu também tenha de me encurvar na casa de Rimom; quando assim me encurvar na casa de Rimom, nisto perdoe o SENHOR a teu servo.
Para um pretenso mulçumano, seria Ahmadinejad uma espécie de Naamã?
Embora eu saiba que há notória mistura entre a visão da Volta de Cristo, incluindo um personagem da crença muçulmana [o imã Mehdi – considerado o Messias da religião muçulmana, na ala xiita] o Presidente iraniano, nesta declaração não citou, ou fez menção deste personagem, seja pelo fato de Chávez e sua família serem católicos romanos, mas ele deixou uma brecha, ao citar apenas Jesus Cristo e a Sua Volta!
É o fato!
Os Clérigos ficaram irritados, pois na verdade o Irã não é um país laico, tendo a religião muçulmana como sua religião oficial, os quais, à partir do Aitolá Khamenei e seus pares comandam através da Sharia – Lei ou conjunto de leis religiosas muçulmanas, com base no Al Corão – são os verdadeiros líderes do País, pelo poder emanado deste estado religioso, que se sobre põe a qualquer regime legal, mesmo que exista.
1- TEERÃ - Clérigos do Irã criticaram o presidente do país, Mahmoud Ahmadinejad, por ter consolado a mãe do falecido presidente da Venezuela, Hugo Chávez, com um abraço.
O contato físico é considerado pecado sob os rígidos códigos islâmicos iranianos.
Ahmadinejad consola mãe de Chávez em cerimônia- ao fundo um clérigo muçulmano [com seu turbante] parece não entender o que se passa!
A controvérsia foi causada por uma foto amplamente publicada que mostrava Ahmadinejad abraçando a mãe de Chávez no funeral do ex-presidente venezuelano.
Clérigos iranianos descreveram o contato como "proibido" e o chamaram de "palhaçada".
Os clérigos conservadores também criticaram a carta de Ahmadinejad aos venezuelanos, em que ele chama Chávez de "mártir", dizendo que ele voltará à Terra com Jesus Cristo e Imam Mahdu, um santo do século IX reverenciado por muçulmanos xiitas.
As informações são da Associated Press
2- Ahmadinejad sofre críticas por abraçar mãe de Chávez
Contato físico é considerado pecado sob os rígidos códigos islâmicos iranianos
12 de março de 2013 | 12h 09 / AE - Agência Estado
Ao longo de seus 14 anos no poder, o presidente venezuelano, Hugo Chávez, chamou a atenção internacional por ter forjado alianças com líderes mundiais antagônicos aos interesses americanos, como o iraquiano Saddam Hussein, o iraniano Mahmoud Ahmadinejad, e o sírio Bashar Assad, além de outros autocratas de menor escalão, como o bielo-russo Alexandr Lukachenko.
Antes de se dirigir a Caracas para os funerais de Chávez, Ahmadinejad provocou polêmica no Irã ao dizer que o líder bolivariano retornará à Terra ressuscitado no dia do Juízo Final juntamente com o imã Mehdi - maior figura do xiismo - e Jesus Cristo, que é tido como um importante profeta para os muçulmanos.
A declaração provocou a revolta de líderes religiosos iranianos, que têm tido desentendimentos com o presidente. "Eu disse que ele foi longe demais com essa menção em sua homenagem", disse o clérigo Ahmed Khatami, aliado próximo do líder supremo do Irã, o aiatolá Ali Khamenei, segundo o jornal britânico The Guardian.
"O presidente deveria ter ciência de que uma homenagem como essa provocará reações de nossas instituições religiosas. Ele não deveria mandar uma mensagem diplomática com essa conotação religiosa."
"Chávez estará vivo enquanto a Justiça, o amor e a liberdade viverem", escreveu Ahmadinejad em uma carta publicada pela agência Mehr. "Não tenho dúvidas de que ele voltará juntamente com Cristo, o salvador, herdeiro da santidade e da perfeição dos homens, e trará paz e justiça a todos."
Ahmadinejad não mencionou explicitamente o imã Mehdi, reverenciado como o messias dos xiitas, mas a menção a Jesus Cristo traz implícito o conceito de que Chávez seria um aliado do imã.
O retorno do imã à Terra é para os muçulmanos análogo ao dia do Juízo Final e a segunda vinda de Jesus Cristo para os cristãos. Para os xiitas, os dois voltarão juntos à Terra.
O governo do Irã decretou um dia de luto oficial pela morte do presidente venezuelano. Os dois países tinham acordos no setor de exploração de petróleo e militar.

Nenhum comentário:

Seguidores

Ocorreu um erro neste gadget

Geografia Bíblica-Texto-Local!

Para quem estuda a Arqueologia - Mapas do Antigo Testamento e do Novo Testamento.
Viaje à Terra Santa pelo seu PC, ou qualquer lugar citado na Bíblia! Com ela você pode através do texto que está lendo ter acesso ao local onde ocorreu o fato bíblico! Forma gratuita, é só clicar e acessar:

Ser Solidário

Seja solidário
"Um dia vieram e levaram meu vizinho que era judeu. Como não sou judeu, não me incomodei. No dia seguinte, vieram e levaram meu outro vizinho que era comunista. Como não sou comunista, não me incomodei . No terceiro dia vieram e levaram meu vizinho católico. Como não sou católico, não me incomodei. No quarto dia, vieram e me levaram; já não havia mais ninguém para reclamar..."
Martin Niemöller, 1933

Doutrina


O Credo da Assembléia de Deus
A declaração de fé da Igreja Evangélica Assembléia de Deus não se fundamenta na teologia liberal, mas no conservadorismo protestante que afirma entre outras verdades principais, a crença em:
1)Em um só Deus, eternamente subsistente em três pessoas: o Pai, o Filho e o Espírito Santo (Dt 6.4; Mt 28.19; Mc 12.29).
Pacto de Lausanne – Suíça
Teses de Martinho Lutero
95 Teses de Lutero
Clique e acesse todo texto.

Ensino Dominical