quinta-feira, março 3

O EVANGELHO PROPAGA-SE ENTRE OS GENTIOS.Lição 10-CPAD-06/03/2011

O EVANGELHO PROPAGA-SE ENTRE OS GENTIOS.
Lição 10 – CPAD – 03/2011.                                                      Autor: Osvarela
Atos 10. 44-48: Enquanto Pedro ainda dizia estas coisas, desceu o Espírito Santo sobre todos os que ouviam a palavra.45 Os crentes que eram de circuncisão, todos quantos tinham vindo com Pedro, maravilharam-se de que também sobre os gentios se derramasse o dom do Espírito Santo;46 porque os ouviam falar línguas e magnificar a Deus.47 Respondeu então Pedro: Pode alguém porventura recusar a água para que não sejam batizados estes que também, como nós, receberam o Espírito Santo?48 Mandou, pois, que fossem batizados em nome de Jesus Cristo. Então lhe rogaram que ficasse com eles por alguns dias.
11.15-18. Logo que eu comecei a falar, desceu sobre eles o Espírito Santo, como também sobre nós no princípio.16 Lembrei-me então da palavra do Senhor, como disse: João, na verdade, batizou com água; mas vós sereis batizados no Espírito Santo.17 Portanto, se Deus lhes deu o mesmo dom que dera também a nós, ao crermos no Senhor Jesus Cristo, quem era eu, para que pudesse resistir a Deus?18 Ouvindo eles estas coisas, apaziguaram-se e glorificaram a Deus, dizendo: Assim, pois, Deus concedeu também aos Gentios o arrependimento para a vida.
A- Dados Etimológicos – Dicionário Strong:
ανομος anomos
adj. 1) destituído da lei (mosaica)
1a) em referência aos gentios
2) que se desvia da lei, que desrespeita lei, ilegal, malvado.
ανομως anomos
adv. 1) sem a lei, sem o conhecimento da lei
εθνικος ethnikos
n m.1) adaptado ao gênio ou costumes de um povo, peculiar a uma nação, nacional.
2) condizente aos modos ou linguagem de estrangeiros, estranho, forasteiro.
3) no NT o que característico da natureza de pagãos, o que é estranho à adoração do Deus verdadeiro, gentílico.
3a) pagão, gentil
εθνικως ethnikos
adv. 1) como os gentios
εθνος ethnos
Provavelmente de [1486; TDNT - 2:364,201;]
n n. 1) multidão (seja de homens ou de animais) associados ou vivendo em conjunto
1a) companhia, tropa, multidão
2) multidão de indivíduos da mesma natureza ou gênero
2a) a família humana
3) tribo, nação, grupo de pessoas.
4) no AT, nações estrangeiras que não adoravam o Deus verdadeiro, pagãos, gentis.
5) Paulo usa o termo para cristãos gentis. Nota: de Gentio
I - GENTIO OU JUDEU?


JUDEUS E GENTIOS.
Qual é a diferença?
Judeus – nascidos de sangue judeu.
Apenas Sanguínea?
A diferença, que será alongada, abaixo, é exatamente, a origem ou DNA do povo escolhido por Deus, desde o grande patriarca Abraão, passando pelo seu filho Isaque, e desaguando em Jacó seu neto, como qual o Deus de Abraão suscita filhos, e desta linhagem vem o povo de Israel - ver vau de Jaboque – Gn. 32
Qual é era a relação entre eles na Igreja Primitiva, que causava dissensões na Igreja?
Os hebreus, como encontrado neste texto, eram circuncidados, enquanto os gentios, não prosélitos [convertidos ao judaísmo] não usavam de tal prática.
Além da cultura geral, como ritual de lavagem;
Língua:
Em especial grego [ deve-se destacar, que à época os hebreus falavam, mesmo Jesus, o Aramaico]
Comida:
At.10.13-15 E uma voz lhe disse: Levanta-te, Pedro, mata e come. Mas Pedro respondeu: De modo nenhum, Senhor, porque nunca comi coisa alguma comum e imunda. Pela segunda vez lhe falou a voz: Não chames tu comum ao que Deus purificou.
Os judeus obedeciam obrigatoriamente, o kashrut - leis dietéticas judaicas, observadas com relação aos alimentos considerados puros e im­puros -.
1-Animais imundos;
Pedro teve que dar explicação, [antes ele já chegara a casa de Cornélio, se justificando] sobre o ato em casa de Cornélio.
At.10.28 e disse-lhes: Vós bem sabeis que não é lícito a um judeu ajuntar-se ou chegar-se a estrangeiros; mas Deus mostrou-me que a nenhum homem devo chamar comum ou imundo.
2-Forma de matar o animal;
3-E o principal:
Circuncisão de todo macho aos oito dias de nascido.
Sou Gentio?
Somos gentios por sermos de descendência não judaica.
Existem gentios nos dias de hoje?
Todo homem antropológico, sem sangue [DNA sómente judeu] judeu, é um gentio.


JUDEUS
JUDEUS
GENTIOS
GENTIOS
Israelitas
NÃO SALVOS
Israelitas
IGREJA
Não Israelitas
IGREJA
Não Israelitas
NÃO SALVOS
Descendentes de Abraão pela filiação de Isaque.
Descendentes de Abraão pela filiação de Isaque.
Destinados 
a Ira divina;
Condenados 
à Morte eterna; 
Filhos dos homens; 
Não descendentes de Abraão.
Destinados 
a Ira divina;
Condenados 
à Morte 
Eterna;


Receberam os Oráculos de Deus.A Eles foram confiados esta Revelação.Tiveram Oportunidade. Rm.11.13,14. Mas é a vós, gentios, que falo; 
e, porquanto  
sou apóstolo 
dos gentios, glorifico o meu ministério, para ver se de algum modo posso incitar à emulação os da minha raça e salvar alguns deles
Igreja de Deus
Israel de Deus
Receberam a Palavra 
pelo Filho – Jesus.
Hb.1.1,2.
Igreja de Deus
Israel de Deus



Oportunidade aberta.
Mc.
16.16, 15.
E
disse-lhes:
Ide por todo
o mundo,
e pregai
o evangelho
a toda
criatura. 
Quem
crer e for
batizado 
será salvo;
mas quem não crer
será condenado.
Extirpados da oliveira, mesmo sendo ramos naturais, estão debaixo da maldição da lei, que é boa;Gl.3.10 Pois todos quantos são das obras da lei estão debaixo da maldição; porque escrito está: Maldito todo aquele que não permanece em todas as coisas que estão escritas no livro da lei, para fazê-las.
Filhos de Deus pela fé em Jesus.
Se tornaram Filhos de Abraão pela fé.
Liberdade 
em aceitar 
a Jesus, 
antes 
de encerrar
o Tempo
da entrada
dos Gentios
 na Plenitude.
Rm.11.25
Ramos naturais da Oliveira.
Foram arrancados;
Rm.11.25. ...o endurecimento veio em parte sobre Israel...
Haverá Remanescentes; Os que Não crerem na presente era terão oportunidade de salvação após a entrada na Graça da Plenitude dos Gentios.
Salvos em Cristo;
Igreja de Deus.
Zambujeiros enxertados 
na Oliveira,
substitutivos.
Gl.3.6,8
Abraão creu a Deus, 
...imputado como justiça .
...que os que são 
da fé, esses são 
filhos de Abraão...
a Escritura,prevendo
que Deus havia 
de justificar pela fé os gentios,
anunciou previamente
a boa nova
a Abraão, dizendo: 
Em ti serão a
bençoadas 
todas as nações.


Aptos a salvação em Jesus: Os que crerem em Jesus como O Messias e Salvador.
Corpo de Cristo
Corpo de Cristo
Morte Eterna se não crerem.

Qual a participação dos Gentios na Igreja Primitiva?
As igrejas primitivas compunham-se em grande parte de gentios.
As Igrejas discipulada pelo Apóstolo Paulo são um exemplo.
A Acaia foi tomada pelo Evangelho.
Nesta lição estamos estudando a entrada destes, na Igreja, através da ação do Espírito Santo, usando um hebreu reticente, como Pedro.
Mesmo tendo a visão do lençol ele resistiu.- vide abaixo.
11.15-18. Logo que eu comecei a falar, desceu sobre eles o Espírito Santo, como também sobre nós no princípio.
A Confusão Estabelecida na Igreja Mãe.
O Espírito Santo Convence:
As palavras de Pedro aos seus irmãos e discípulos em Jerusalém foram valiosas ao grupo, quando Pedro lhes explica como se convenceu, de que os gentios podiam usufruir da graça do Nome de Jesus Cristo, ao descer o Espírito Santo sobre todos os gentios enquanto orava.
45. Os crentes que eram de circuncisão, todos quantos tinham vindo com Pedro, maravilharam-se de que também sobre os gentios se derramasse o dom do Espírito Santo;
Esta ação do espírito Santo precisa ser destacada, pois foi Ele que confirmou a salvação dos Gentios, com a sua presença, naquela reunião.
Discurso e Explanação:
O discurso vai nos fazer entender, que a relação dual entre os Homens, fica clara e exposta há humanidade, pela posição dos homens, diante do Todo-Poderoso Deus, quando, eles são apresentados pelas Escrituras, como Justos, Iníquos, Filhos dos Homens, Filhos de Deus, conforme sua posição em relação, a aceitar a Revelação – Rm.1 – colocada a sua disposição pelo próprio Deus, a qual é possível ser entendida mas, agora se tornou em endurecimento dos corações, e só possível, na presente Era pela Ação do Espírito Santo, no Nome de Jesus Cristo.
A - Muitos Crentes Não Entendem A Diferença Entre Gentios E Pecadores.
Tive esta percepção durante Aulas de Estudo da EBD.
Há crentes, que entendem que gentios são pessoas não salvas, são todos os homens pecadores.
Veremos nesta lição, como objetivo a diferença entre os povos diante de Deus, no Plano de salvação.
Assim temos, na ótica distante da Criação, as situações que levaram a esta definição, em relação ao próprio Deus, advindo o conceito de Povo de Deus e Gentios.
Parecerá para alguns, um assunto simples e sem importância, mas tenho verificado, junto a Classes de EBD, a falta de informação sobre estes assuntos, seja por desinteresse dos crentes, seja por timidez em revelar desconhecimento.
A EBD tem esta função levar o rudimento do ensino a todos, independentemente da escolaridade, esta, exigida para cursos de formação teológica, em seus diversos níveis.
Nota: Paulo (em hebraico Shaul, em latim Paulus) nasce em Tarso, na Turquia atual, de uma família profundamente mergulhada no judaísmo.
Separando a Humanidade em Dois Povos:
Quando Deus criou o homem, o pecado manchou a pureza da criação e tornou necessário um Plano ‘religare’, do Homem com Deus.
Deus sempre teve seus relacionamentos, com famílias e homens justos como Enoque, Noé e outros.
Após a queda Adâmica, Deus sempre procurou estreitar seu contato com a Humanidade e se revelara aos homens, para isto, realizando algumas Alianças ou tomando-os para si, caso de Enoque.
A Graça Preservou a Raça Humana.
Gn.6. 5-8. Viu o Senhor que era grande a maldade do homem na terra, e que toda a imaginação dos pensamentos de seu coração era má continuamente. Então arrependeu-se o Senhor de haver feito o homem na terra, e isso lhe pesou no coração. E disse o Senhor: Destruirei da face da terra o homem que criei, tanto o homem como o animal, os répteis e as aves do céu; porque me arrependo de os haver feito. Noé, porém, achou graça aos olhos do Senhor.
Através do Dilúvio, Deus realiza uma extirpação de parte dos homens, mas mantendo uma família, ainda que pudesse repovoar a Terra, com esta família Deus realizou uma aliança, a chamada Aliança Noiaca.
Gen 10:5 - Por estes foram repartidas as ilhas dos gentios nas suas terras, cada qual segundo a sua língua, segundo as suas famílias, entre as suas nações.
Desta Aliança a Terra foi repovoada, com a fixação dos homens em todas as partes do Mundo.
Isa 66:19 - E porei entre eles um sinal, e os que deles escaparem enviarei às nações, a Társis, Pul, e Lude, flecheiros, a Tubal e Javã, até às ilhas de mais longe, que não ouviram a minha fama, nem viram a minha glória; e anunciarão a minha glória entre os gentios.
Mas, ao longo dos tempos houve a necessidade de Deus realizar a escolha de uma Porção humana, para ser os Proclamadores de sua vontade; de dirigir os passos dos homens, numa Aliança Única, à partir de Abrão, da terra de Ur dos Caldeus, isto se realiza.
Gn.15. 18. Naquele mesmo dia fez o Senhor um pacto com Abrão, dizendo: Â tua descendência tenho dado esta terra, desde o rio do Egito até o grande rio Eufrates;
A Circuncisão:
Marcados na Carne.
A Aliança de Deus com Abraão foi selada no homem, através dos descendentes de Abraão, em sua própria carne.
Gn. 9.17-14. Disse mais Deus a Abraão: Ora, quanto a ti, guardarás o meu pacto,...nas suas gerações. Esta é a minha aliança, que guardareis entre mim e vós, e ...ti: Que todo o homem entre vós será circuncidado. Circuncidar-vos-eis ...e isto será por sinal de pacto entre mim e vós. A idade de oito dias, todo varão dentre vós será circuncidado, por todas as vossas gerações, tanto o nascido em casa como o comprado por dinheiro a qualquer estrangeiro, que não for da tua linhagem. Com efeito será circuncidado o nascido em tua casa, e o comprado por teu dinheiro; assim estará o meu pacto na vossa carne como pacto perpétuo. Mas o incircunciso, que não se circuncidar na carne do prepúcio, essa alma será extirpada do seu povo; violou o meu pacto.
Esta parte da Aliança seria o fruto e ponto de discórdia entre a membresia discipular da Igreja Primitiva, ao ser aceita pelos religiosos judeus, como sacerdotes e outros príncipes da nação de Jesus.
A esta Aliança, chamada Aliança Abraãmica, através do seu neto Jacó, filho do Filho da promessa, Isaque, o qual suscitou a linhagem santa; a Jacó, também aliançado com Deus, promete o Messias.
Gn.49. 1-11. O cetro não se arredará de Judá, nem o bastão de autoridade dentre seus pés, até que venha aquele a quem pertence; e a ele obedecerão os povos. Atando ele o seu jumentinho à vide, e o filho da sua jumenta à videira seleta...
Desta Aliança nasce, uma separação diante dos olhos de Deus, sem acepção, pois, como vemos no texto Bíblico, este povo, que não compreendeu assim, e Atos dos Apóstolos propaga isto com cores fortes, foi apenas um instrumento especialmente separado, para cumprir a Promessa de um Salvador para a Humanidade.
At.10. 34-36. Então Pedro, tomando a palavra, disse: Na verdade reconheço que Deus não faz acepção de pessoas; mas que lhe é aceitável aquele que, em qualquer nação, o teme e pratica o que é justo. A palavra que ele enviou aos filhos de Israel, anunciando a paz por Jesus Cristo (este é o Senhor de todos)-
Um Povo e Uma Escolha:
Um Povo chamado para ser Povo de Deus.
Deste povo nasceria o Messias para Israel e Salvador para todos os Homens.
Ex.6.7. Eu vos tomarei por meu povo e serei vosso Deus;
Lv. 26. 12. Andarei no meio de vós, e serei o vosso Deus, e vós sereis o meu povo.
A destituição do Povo hebreu abriu através de Jesus a entrada dos gentios no Reino de Deus, como Povo.
Rm. 9.25,26. Como diz ele também em Oséias: Chamarei meu povo ao que não era meu povo.
Zc. (cap. 9)·9 Alegra-te muito, ó filha de Sião; exulta, ó filha de Jerusalém; eis que vem a ti o teu rei; ele é justo e traz a salvação; ele é humilde e vem montado sobre um jumento, sobre um jumentinho, filho de jumenta.
De onde se diz:
“...dos judeus vem a salvação...” uma afirmação do próprio Salvador Jesus Cristo.
ISAÍAS  (cap. 52)·10 O Senhor desnudou o seu santo braço à vista de todas as nações; e todos os confins da terra verão a salvação do nosso Deus.
Eis a vantagem dos judeus, propalada pelo apóstolo Paulo.
Rm.3. 1,2. Que vantagem, pois, tem o judeu? Ou qual a utilidade da circuncisão? Muita, em todo sentido; primeiramente, porque lhe foram confiados os oráculos de Deus.
João 4.22. Vós adorais o que não conheceis; nós adoramos o que conhecemos; porque a salvação vem dos judeus.
Sl.  cap. 14·7 Oxalá que de Sião viesse a salvação de Israel! E ainda:
Dois Povos Sob A Ótica Divina.
O povo de Deus, com o qual ele fez aliança no Monte Sinai. Ex.19
Mt. cap. 12·18. Eis aqui o meu servo que escolhi, o meu amado em quem a minha alma se compraz; porei sobre ele o meu espírito, e ele anunciará aos gentios o juízo.
Mt. cap. 12·21. e no seu nome os gentios esperarão.
E os outros povos – os Gentios, que seriam abençoados da semente do Povo de Deus e realmente o foram em Jesus Cristo, O Messias, rejeitado, e que nos abriu a Porta de açor para nos integrar na Oliveira verdadeira, mesmo sendo zambujeiro, através da derribada da parede de separação.
Ef. (cap. 2)·14. Porque ele é a nossa paz, o qual de ambos os povos fez um; e, derrubando a parede de separação que estava no meio, na sua carne desfez a inimizade,
Este versículo corrobora a ótica destas linhas, diante de Deus havia dois povos!
Lc. (cap. 2)·32. ...luz para revelação aos gentios, e para glória do teu povo Israel.
A Nossa Entrada se Deu por Endurecimento do Coração de Israel.
O Apóstolo Paulo nos mostra como isto aconteceu, na sua epístola a Igreja que estava em Roma.
Rm.11.1-24 Pergunto, pois: Acaso rejeitou Deus ao seu povo? De modo nenhum; por que eu também sou israelita, da descendência de Abraão, da tribo de Benjamim.
2 Deus não rejeitou ao seu povo que antes conheceu. ... [...] 11 Logo, pergunto: Porventura tropeçaram de modo que caíssem? De maneira nenhuma, antes pelo seu tropeço veio a salvação aos gentios, para os incitar à emulação.[...] 13 Mas é a vós, gentios, que falo; e, porquanto sou apóstolo dos gentios, glorifico o meu ministério,[...] 17 E se alguns dos ramos foram quebrados, e tu, sendo zambujeiro, foste enxertado no lugar deles e feito participante da raiz e da seiva da oliveira,[...] 24 Pois se tu foste cortado do natural zambujeiro, e contra a natureza enxertado em oliveira legítima, quanto mais não serão enxertados na sua própria oliveira esses que são ramos naturais!
Zambujeiro é uma oliveira brava, desgarrada no campo, os seus frutos são impossíveis de comer, de tão amargos que são.
25 Porque não quero, irmãos, que ignoreis este mistério (para que não presumais de vós mesmos): que o endurecimento veio em parte sobre Israel, até que a plenitude dos gentios haja entrado;
Temos aí o processo de nossa entrada no plano de Deus, de maneira vicária, isto é substitutiva, porém a eles se dá o direito de abrigo e retorno de todo o remanescente.
A Igreja de Atos e os Gentios:
A Conversão com Confirmação:
Pedro e os Demais da Igreja Primitiva tinham restrições, principalmente Pedro, a quem Paulo chama em Gálatas de dissimulado, em aceitar os Gentios, até mesmo em visão ele repudiou a oferta de Deus para comer o que para os da circuncisão era imundo.
Deus o preparava para ir aos gentios e lá na casa de Cornélio, os gentios seriam Revestidos com o Espírito Santo, com as mesmas evidencias dos da circuncisão.
A própria estada de Pedro na casa de SimãoO Curtidor – era um ato preparatório para sua próxima missão evangelística.
E também fala do caráter dúbio de Pedro, em alguns momentos, visto que esta profissão era considerada, uma profissão impura e permitia até o divorcio por parte da esposa [entre as poucas brechas para o divórcio por parte da mulher hebréia, uma vez que ela não tinha esse direito na legislação judaica, exceto em casos extremos como esse].
Isso nos leva a pensar, que Pedro já tinha uma visão muito além sobre essa questão., Pedro já se achava quebrantado quanto a acepção de seu povo, pelos encargos da Lei, em alguns fatos e modo de vida.
Deus, sempre prepara o nosso coração para procurarmos entender a sua ação futura, em nosso Ministério, ele nos coloca em situações assim, para nos amoldar ao que vamos realizar para Ele.
At. 11.15-18. Logo que eu comecei a falar, desceu sobre eles o Espírito Santo, como também sobre nós no princípio. [...] Portanto, se Deus lhes deu o mesmo dom que dera também a nós, ao crermos no Senhor Jesus Cristo, quem era eu, para que pudesse resistir a Deus? Ouvindo eles estas coisas, apaziguaram-se e glorificaram a Deus, dizendo: Assim, pois, Deus concedeu também aos gentios o arrependimento para a vida.
Esta declaração de Pedro no relatório de sua ida a casa de Cornélio tornou possível o envolvimento da Igreja na Obra de Conversão dos Gentios.
Veja a Ótica Salvífica no Livro do Profeta Isaías:
Na visão do Profeta Isaías, temos a visão divina da extensão do Plano de Salvação aos Gentios.
Is. cap. 9·1 Mas para a que estava aflita não haverá escuridão. Nos primeiros tempos, ele envileceu a terra de Zebulom, e a terra de Naftali; mas nos últimos tempos fará glorioso o caminho do mar, além do Jordão, a Galiléia dos gentios.
At. (cap. 9·15) Disse-lhe, porém, o Senhor: Vai, porque este é para mim um vaso escolhido, para levar o meu nome perante os gentios, e os reis, e os filhos de Israel;Então, até aos fins dos tempos temos hoje, após a cruz:
Judeus Não Salvos – Rejeitaram ao Messias.
At.  (cap. 7)·39. ...ao qual os nossos pais não quiseram obedecer, antes o rejeitaram, e em seus corações voltaram ao Egito,
Judeus Salvos da Igreja primitiva.
A aceitação do Messias, encarnado, é notadamente destacada, em algumas parcelas da Sociedade e dos Religiosos Hebreus.
Assim, alguns teêm a revelação aceita, pelos seus corações de quem era Jesus.
Pedro fora levado a Jesus por seu irmão André, o qual crera que Jesus de Nazaré era o Cristo.
André via naquele homem simples, o Messias, enquanto a Sociedade e os Príncipes esperavam um verdadeiro ‘Titan’, de força, beleza esplendorosa e hábil em guerrear e expulsar os seus dominadores – o poderoso Império da Águia – Império Romano, talvez para eles a essência dos gentios.
Esquecidos que Deus havia declarado, primeiramente em relação ao Cristo “sem parecer e sem formosura, sem nenhuma beleza, ou algo que fosse desejável...”.
Segundo, em relação a coabitar com os gentios da terra, ocupada desde os tempos de Josué, durante o seu assentamento, na Terra da Palestina, povos a quem deveriam ter expulsado. Vide trecho abaixo.
JOÃO cap. 1·41 Ele achou primeiro a seu irmão Simão, e disse-lhe: Havemos achado o Messias (que, traduzido, quer dizer Cristo).
Gentios e Samaritanos.
Jo. (cap. 4·25) Replicou-lhe a mulher: Eu sei que vem o Messias (que se chama o Cristo); quando ele vier há de nos anunciar todas as coisas.
Um povo aos quais os judeus odiavam intensamente e consideravam como sendo herético; o sentimen­to de hostilidade, porém, era mútuo. Primeiro segmento alcançado pela igreja. [“os samaritanos também esperavam o Messias - Jo 4:25”. Há entendimentos diversos, que devem ser analisados, quanto a questão apresentada]
Origem dos Samaritanos.
Quando Salmaneser, imperador da Assíria, sitiou Samaria, a capital do Israel, em 722 a.C, levou cativas as dez tribos do Norte. 2 Rs 17.3. Os filhos de Israel, que ficaram na terra se misturaram com esses estrangeiros, de modo que seus filhos se tornaram mestiços (mistu­ra de israelita e gentio). Eram os sa­maritanos. Essa mistura era também religiosa, pois rejeitaram as Escritu­ras Sagradas, aceitando apenas o Pentateuco.
Destacamos os Samaritanos, que teologicamente eram gentios, mas assim não se consideravam, pois viviam nos termos de Israel e haviam adotado o judaísmo, ainda que com valores diferenciados – local de adoração, por exemplo – como religião, mas era na realidade uma mistura.
A Posição dos Gentios, no Ministério de Jesus.
Como participantes, do Ministério é de se notar, o Colégio Apostólico, atendendo a Profecia, que diz “veio para os seus, e a salvação vem dos judeus...”:
Lc.6.13-17 Depois do amanhecer, chamou seus discípulos, e escolheu doze dentre eles, aos quais deu também o nome de apóstolos: Simão, ao qual também chamou Pedro, e André, seu irmão; Tiago e João; Filipe e Bartolomeu; Mateus e Tomé; Tiago, filho de Alfeu, e Simão, chamado Zelote; Judas, filho de Tiago; e Judas Iscariotes, que veio a ser o traidor.
Jesus deixou em suas falas, algumas palavras duras, sobre os gentios, creio que para criar, como diria Paulo, emulação aos seus.
Talvez, assim eles pudessem entender que ele era o profeta, O Salvador, o Messias da nação de Israel, numa forma humana, para que houvesse na casa de Israel a mesma visão que Simeão teve, que André teve e outros tantos tiveram ao vê-lo pela primeira vez.
Ele era a graça de Deus possível de restaurar a casa de Israel.
A Forma, Porém, Era Dura.
Mt.10.6. ..mas ide antes às ovelhas perdidas da casa de Israel;
15. 22, 23,24.Contudo ele não lhe respondeu palavra. Chegando-se, pois, a ele os seus discípulos, rogavam-lhe, dizendo: Despede-a, porque vem clamando atrás de nós. E eis que uma mulher cananéia [Mc.7. 26 (ora, a mulher era grega, de origem siro-fenícia)], provinda daquelas cercania, clamava, dizendo: Senhor, Filho de Davi, tem compaixão de mim [...] Respondeu-lhes ele: Não fui enviado senão às ovelhas perdidas da casa de Israel.
Assim, ele usa esta didática, para criar através de sua mensagem, um estado de entendimento, de que Israel usufruía de posição diferenciada, para com o Pai, e não entendia ou relegava isto a um plano orgulhoso e desprezível.
Mt.6.32. (Pois a todas estas coisas os gentios procuram.) Porque vosso Pai celestial sabe que precisais de tudo isso.
Quanto À Relação Discípulos E Gentios.
O Ide de Jesus impregnou a Igreja.
Mas, a Palavra de Deus chegou a nós Gentios, nos proporcionando Salvação, pelos testemunhos dos Discípulos de Cristo, através da pregação do Evangelho a toda a Humanidade.
Mt.10. 18. ... e por minha causa sereis levados à presença dos governadores e dos reis, para lhes servir de testemunho, a eles e aos gentios.
Esperança dos Gentios.
A Morte nas Mãos dos Gentios.
A Relação: Jesus e Gentios trouxe-lhe danos em seu relacionamento sinagogal e dentro do rabinato de Israel.
Mt. 12.14-21. Os fariseus, porém, saindo dali, tomaram conselho contra ele, para o matarem. Jesus, percebendo isso, retirou-se dali ... para que se cumprisse o que foi dito pelo profeta Isaías:Eis aqui o meu servo que escolhi, ... porei sobre ele o meu espírito, e ele anunciará aos gentios o juízo.[...] Não esmagará a cana quebrada, e não apagará o morrão que fumega, até que faça triunfar o juízo; e no seu nome os Gentios esperarão.
Jesus Esperança Dos Gentios, lhes foi entregue, a eles os Gentios representados pelos do Império Romano, pelos seus, pelo Povo de Deus – os hebreus – numa forma profética da redenção gentílica pelo endurecimento daqueles, para que estes fossem salvos por Cristo crucificado, pelos gentios na ignorância da Aliança de deus e seu Povo.
Mt. 20.18-19. Eis que subimos a Jerusalém, e o Filho do homem será entregue aos principais sacerdotes e aos escribas, e eles o condenarão à morte, e o entregarão aos gentios para que dele escarneçam, e o açoitem e crucifiquem; e ao terceiro dia ressuscitará.
A Lei aprisiona a Graça, mas a graça triunfa pelo texto profético da Lei!Osvarela.
O Sacerdote Simeão, homem especial, que apresentou Jesus no templo, pode profetizar a ação salvadora e revelativa do menino para os Gentios.
Lucas narra com destaque a Oração de Simeão. Um cântico Nobre chamado Bencditus.
Lc.2.32. ...luz para revelação aos gentios, e para glória do teu povo Israel. Vide A.T. Is.49.6
Em Atos dos Apóstolos Lucas corrobora esta visão sobre a ação dos gentios e Israel contra o cristo de Deus.
Lc.4. 27. Porque verdadeiramente se ajuntaram, nesta cidade, contra o teu santo Servo Jesus, ao qual ungiste, não só Herodes, mas também Pôncio Pilatos com os gentios e os povos de Israel;
A Propagação Entre Os Gentios.
Quando a Lição nos leva ao capítulo 10 nos encontramos com a verdadeira concretização profética de tudo que falamos.
Mas, também vamos encontrar o início da lida entre Israel e os Gentios.
-Gentios salvos e cheios do Espírito Santo:
At.10.44-18. Enquanto Pedro ainda dizia estas coisas, desceu o Espírito Santo sobre todos os que ouviam a palavra.
-Pasmo dos Crentes da Circuncisão – hebreus - salvos ao ver Deus na vida dos gentios.
45. Os crentes que eram de circuncisão, todos quantos tinham vindo com Pedro, maravilharam-se de que também sobre os gentios se derramasse o dom do Espírito Santo; porque os ouviam falar línguas e magnificar a Deus. Respondeu então Pedro: Pode alguém porventura recusar a água para que não sejam batizados estes que também, como nós, receberam o Espírito Santo? Mandou, pois, que fossem batizados em nome de Jesus Cristo. Então lhe rogaram que ficasse com eles por alguns dias.
Entenda, que já sob a ótica da Igreja constituída [dentre os hebreus e prosélitos], como a gente gentílica é Igreja, sem deixar de ser gentio e os de fora da Igreja continuam, identicamente gentios sem salvação.
Paulo explica aos Romanos e aos de Corinto.
Rom 15:27 - Isto lhes pareceu bem, como devedores que são para com eles. Porque, se os gentios foram participantes dos seus bens espirituais, devem também ministrar-lhes os temporais.
Rom 16:4 - Os quais pela minha vida expuseram as suas cabeças; o que não só eu lhes agradeço, mas também todas as igrejas dos gentios.
1Co 5:1 – Geralmente se ouve que há entre vós fornicação, e fornicação tal, que nem ainda entre os gentios se nomeia, como é haver quem abuse da mulher de seu pai.
Note neste ponto: 
Num momento, Paulo coloca gentio, como membros da Igreja, e em outro momento usa a palavra Gentio para indicar pecadores, sem salvação e graça de Cristo Jesus, em seus pecados, mais infames.
O Efeito de Uma Igreja Atuante E A Propagação do Evangelho:
Conforme nos mostra Atos 2.40-47, cujo título poderia ser.
Um Crescimento Vital da Igreja, todos os crentes de Jerusalém eram ativos, compartilhavam e adoravam a Deus.
O grande trunfo da Igreja é demonstrado na narrativa de Lucas nos capítulos 2, 4, 6 e 8 ss, de Atos dos Apóstolos:
42 e perseveravam na doutrina dos apóstolos e na comunhão, no partir do pão e nas orações.
43 Em cada alma havia temor, e muitos prodígios e sinais eram feitos pelos apóstolos.
44 Todos os que criam estavam unidos e tinham tudo em comum.
45 E vendiam suas propriedades e bens e os repartiam por todos, segundo a necessidade de cada um.
46 E, perseverando unânimes todos os dias no templo, e partindo o pão em casa, comiam com alegria e singeleza de coração,
47 louvando a Deus, e caindo na graça de todo o povo. E cada dia acrescentava-lhes o Senhor os que iam sendo salvos.
O que precisamos, para Propagação do Evangelho, sob o modelo da Igreja de Lucas.
1-Doutrina;
2-Comunhão;
3-Temor;
4-Prodígios e sinais – At. 4. 33. ...grande poder; ..e em todos eles havia abundante graça.
5-União;
6-Perseverança- o texto destaca a palavra duas vezes!
7-O Essencial:
a-Falar acerca do Reino de Deus e do nome de Jesus. Mt.4. 17 Desde então começou Jesus a pregar, e a dizer: Arrependei-vos, porque é chegado o reino dos céus.
b-Pregar a Cristo.
Prega-se tudo em certos púlpitos, muito mais bênçãos, e prosperidade e muito menos Cristo!
8-Voluntariosos como Felipe.
Mesmo sob a causa de sua ida para Samaria, Felipe e os demais irmãos iam pelo caminho.
At.8. 5 E descendo Filipe à cidade de Samária, pregava-lhes a Cristo. 12 Mas, quando creram em Filipe, que lhes pregava acerca do reino de Deus e do nome de Jesus, batizavam-se homens e mulheres.
9- Intrepidez: At. 4. 31....e anunciavam com intrepidez a palavra de Deus.
Não perdiam tempo, mesmo na viagem de volta de samaria os Apóstolos:
8.25 Eles, pois, havendo testificado e falado a palavra do Senhor, voltando para Jerusalém, evangelizavam muitas aldeias dos samaritanos.
4. 31 E, tendo eles orado, tremeu o lugar em que estavam reunidos; e todos foram cheios do Espírito Santo,
A Perseguição e a Conversão dos Gentios.
At.8. 1 Naquele dia levantou-se grande perseguição contra a igreja que estava em Jerusalém; e todos exceto os apóstolos, foram dispersos pelas regiões da Judéia e da Samária.
É interessante ressaltar que a primeira diáspora da Igreja resultou em iniciativa dos discípulos sem titulo de Apostolo, ou seja, de Ministros.
Assim, a Igreja saiu dos arredores de Jerusalém para as regiões que Jesus apontara.
Pode ser visto em Atos 4. e a grande importância de que eles tivessem tais atitudes se torna evidente em Atos 8.1:Naquele dia, levantou-se grande perseguição contra a igreja em Jerusalém; e todos, exceto os apóstolos, foram dispersos pelas regiões da Judéia e Samaria’
8. 26 Mas um anjo do Senhor falou a Filipe, dizendo: Levanta-te, e vai em direção do sul pelo caminho que desce de Jerusalém a Gaza, o qual está deserto.
A Igreja se expande pelo menos conhecidos:
Lição 1,  a ser aprendida.
8.40 Mas Filipe achou-se em Azoto e, indo passando, evangelizava todas as cidades, até que chegou a Cesaréia.Deixa Deus te levar, pelo Seu Espírito.
A Igreja Cooperativa:
Todos Eram Participantes E Cooperadores.
Não foram os Apóstolos os enviados para Samaria, primeiramente, nem foram os apóstolos que falaram para um prosélito importante de Candace – Etiópia, mas membros da Igreja.
Precisamos deste modelo em ação, Igreja Cooperativa, onde todos pregam, ganhando almas e não ficam esperando os líderes, os mandarem.
Cuidado!Deus pode te mandar viajar para 'Samaria', lugar de inimizade, ou te levar nas asas do Espírito para 'Azoto'!
Mas, não se preocupe Ele sabe onde você é necessário.
8. 38 ... mandou parar o carro, e desceram ambos à água, tanto Filipe como o eunuco, e Filipe o batizou.39 Quando saíram da água, o Espírito do Senhor arrebatou a Filipe, e não o viu mais o eunuco, que jubiloso seguia o seu caminho.
Isto demonstra, que a atividade inicial de formatar um grande número de crentes em Jesus despertou e motivou a todos, mesmo os ‘doulos’ estabelecidos, pelas necessidades sociais, o que na verdade demonstra um discipulado forte de evangelismo que desembocou na Conversão dos Gentios.
Havia uma expectativa de ganhar todos, sem distinção,que foi mais forte do que o poder da Circuncisão, como demonstra o texto básico da Leitura em Classe.
Não era uma Igreja, apenas assistente, mas se haviam preparado e conscientizados da necessidade da Pregação do Evangelho.
Crise e Conversão dos Gentios:
Muitos de nós precisamos entender esta Lição, que há um momento de crise no mundo.
A Crise pode ser a hora do desenvolvimento da Igreja.
Crise econômica, crise geopolítica,crise de moralidade, crise de ordem social.
A Igreja Primitiva não se ateve a perseguição, e aproveitou a diáspora inicial para Ir:Iam por toda parte pregando a palavra...”
Igreja dispersa, mas ensinada a pregar que Jesus era o Caminho, para todos da nova Igreja chamada O Caminho!
Conclusão:
O fato estudado nesta lição é uma marca na expansão da Igreja do Senhor Jesus.
A casa de Cornélio será sempre lembrada, todas as vezes, em que se estudar e se falar da expansão do Evangelho entre os gentios, Cornélio foi o primeiro gentio a se converter a Cristo.
Desde a reunião em sua casa Milhões de gentios tem aceitado a Jesus como Salvador de suas almas, como prova de que a salvação era para eles também.
Fonte:
A Igreja:Crescimento e Sucesso
Iain Murray - Foi um dos preletores da XVI Conferência Fiel - ano 2000.
Dicionário Strong
Bíblia Chamada
Bíblia Plenitude
E. Soares
Antares Yaohushua
Gentios. In Infopédia [Em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2011. [Consult. 2011-03-02].
-Marcelo M. Guimarães - Teólogo, Rabino Messiânico ordenado pelo Netivyah Bible Instruction Ministry-Jerusalém-Israel. Belo Horizonte-Brasil.
-Guia Para Ler a Bíblia, Primo Gironi, Paulus, SP, pg. 213-214.
Imagem - surdos Adventistas
ADENDO.
Transcrição compilada e com adendos inseridos por Osvarela
1-Gentios.  
Gentios era a designação para os não cristãos.
A palavra gentio deriva etimologicamente de "gens", que significa clã ou grupo familiar. Na tradução cristã da Bíblia, a palavra gentio, designa um não-hebreu. Os hebreus estabeleciam uma divisão entre o povo, que definiam como Eleito por Deus, e os gentios.
Podemos entender, que realmente houve uma eleição para preservação do Nome de Deus entre os povos e esta escolha resultaria, como resultou na Plenitude dos séculos, com a vinda, por este povo do salvador – Jesus de Nazaré- hebreu, Messias de Israel e Salvador do Mundo, tanto do hebreu, quanto do Gentio.
Os povos não judeus – hebreus – ou não descendentes da linhagem de Israel, que se converteram ao Cristianismo, nos seus primórdios, continuaram sendo considerados gentios.
Mesmo que por fé, ‘todos os que tem fé são Filhos de Abraão...’ sejamos filhos e fomos enxertados na videira.
A expressão gentios, como visto acima, nas palavras de Pedro e da Igreja, era rotineiramente usada para definir os crentes não hebreus.
2-Gentios – Quem São?
De acordo com a linguagem do Novo Testamento, ao termo ‘gentio’ se contrapõe ‘judeu’.
Ou seja, tudo que não era judeu na época de Jesus e nos tempos apostólicos era considerado gentio.
Parece que já naquele tempo havia algo de pejorativo nessa palavra, visto que a sua definição, segundo os dicionários, é: pagão, idólatra.
Muito embora, a Lei mosaica ensina-se a tratar bem o estrangeiro – ‘pois fostes estrangeiros no Egito...’.
O uso pejorativo era uma espécie de ‘orgulho’ pelo Deus ao qual serviam, o único Deus Verdadeiro, que continua sendo o ‘Eu Sou’.
Aprendamos a Lição sobre este comportamento, somos de Cristo, mas devemos ter em vista as palavras do apóstolo Paulo, ‘somos zambujeiro...se Deus, não poupou os galhos naturais, diz Paulo, nós devemos ter visão de que os ‘gentios’, aos quais para Igreja, chamamos, ás vezes de pecadores, iníquos, blasfemos,etc...[embora, com base bíblica], isto é, os pecadores, não sejam discriminados ou desprezados entre nós.
Eles são o nosso alvo e o Alvo de Salvação de Jesus.
Além disso, em virtude do rito da circuncisão entre os judeus, os demais povos eram chamados de ‘incircuncisos’, numa evidente atitude de menosprezo.
Prova de que o preconceito e a discriminação já eram bem palpáveis no tempo de Cristo.
3-‘Gentio’ – nome que designava todas as nações, afora a judaica (Is. 49:6; Romanos 2:14; 3:29).
Os judeus eram o povo escolhido por Deus.
Tinham religião sublime, cuja verdade contrastava com as falsidades das religiões dos gentios.
Tinham A Lei e Normas morais e Religiosas, que impediam a corrupção dos costumes e a alteração das práticas religiosas, em contacto com o paganismo, numa prova inconteste de que eles se achavam superiores.
De maneira geral, o povo judeu a desprezava, os gentios.
Os gentios também estavam incluídos na promessa (veja em Is 2.2-4; Amós 9.12; Zacarias9:7).

Um comentário:

Abnaias disse...

JESUS E SEUS APÓSTOLOS NUNCA IMPUSERAM AS MÃOS SOBRE PESSOAS PARA LEVÁ-LAS AO CHÃO.

Mas a prática da “QUEDA ESPIRITUAL” já está ocorrendo em muitas igrejas. Curiosamente, alguns “ministradores” de tal prática, como já presenciei, seguram as pessoas com uma das mãos na testa e a outra na parte inferior das costas, tornando a queda inevitável. Ora, se a pessoa cai de poder, por que forçar a sua queda? E sempre há obreiros para ampará-las...
EVANGÉLICOS EM CRISE
Em seu livro EVANGÉLICOS EM CRISE, Paulo Romeiro combate essa novidade:
“O programa Fantástico, da Rede Globo, levou ao ar uma reportagem no dia 16 de abril de 1995 em que mostrou o desenrolar de um culto na igreja Vineyard, de Toronto. As cenas foram grotescas. As pessoas riam histérica e descontroladamente enquanto rolavam no carpete. Um homem se arrastava pelo chão, urrando como um leão” (Mundo Cristão, p. 80).
Quanto ao “URRO DO LEÃO” e à “UNÇÃO DO RISO”, Romeiro esclarece:
“Alguns citam Isaías 5.29 para defender o urro (...) Mas aqui é uma metáfora (...) As pessoas que usam Isaías 5.29 para defender o urro do leão usariam também Isaías 40.31, ‘SOBEM COM ASAS COMO ÁGUIAS’, literalmente para tentar sair voando? (...) Para justificar a ‘UNÇÃO DO RISO SAGRADO’, seus defensores citam Gênesis 18.12, em que Sara riu (...) Entretanto, esta passagem nada tem a ver com gargalhada santa. Além disso, Sara riu de incredulidade, uma atitude nada recomendável para o cristão” (idem, pp. 80,81).
Na verdade, tanto o “CAIR NO ESPÍRITO” quanto a “UNÇÃO DO RISO” são práticas importadas dos EUA, especialmente trazidas por vários pregadores a exemplo de Benny Hinn, recordista em vendagem de livros, que já esteve no Brasil algumas vezes, “ministrando milagres” através de “SOPROS SANTOS”. Hinn, pastor do Centro Cristão de Orlando, na Flórida (EUA), leva inúmeras pessoas a caírem ao chão supostamente pelo poder de Deus.

ACESSE E DEIXE SEU COMENTÁRIO:
http://abnaiasduraes.blogspot.com/
Email:
abnartes@bol.com.br

Seguidores

Ocorreu um erro neste gadget

Geografia Bíblica-Texto-Local!

Para quem estuda a Arqueologia - Mapas do Antigo Testamento e do Novo Testamento.
Viaje à Terra Santa pelo seu PC, ou qualquer lugar citado na Bíblia! Com ela você pode através do texto que está lendo ter acesso ao local onde ocorreu o fato bíblico! Forma gratuita, é só clicar e acessar:

Ser Solidário

Seja solidário
"Um dia vieram e levaram meu vizinho que era judeu. Como não sou judeu, não me incomodei. No dia seguinte, vieram e levaram meu outro vizinho que era comunista. Como não sou comunista, não me incomodei . No terceiro dia vieram e levaram meu vizinho católico. Como não sou católico, não me incomodei. No quarto dia, vieram e me levaram; já não havia mais ninguém para reclamar..."
Martin Niemöller, 1933

Doutrina


O Credo da Assembléia de Deus
A declaração de fé da Igreja Evangélica Assembléia de Deus não se fundamenta na teologia liberal, mas no conservadorismo protestante que afirma entre outras verdades principais, a crença em:
1)Em um só Deus, eternamente subsistente em três pessoas: o Pai, o Filho e o Espírito Santo (Dt 6.4; Mt 28.19; Mc 12.29).
Pacto de Lausanne – Suíça
Teses de Martinho Lutero
95 Teses de Lutero
Clique e acesse todo texto.

Ensino Dominical