quinta-feira, junho 26

MAIS PERSEGUIÇÃO A CRISTÃOS. AGORA EGÍPCIO - Egípcio é preso após curtir página cristã no Facebook

Egípcio é preso após curtir página cristã no Facebook.
Os cristãos estão sendo duramente perseguidos no mundo muçulmano.
NOTA: MERIAM IBRAHIM ESTÁ EM LIBERDADE.
Agora foi no Egito.
Acusação: Blasfêmia...“por violar as leis de blasfêmia do Egito, o que torna ilegal qualquer crítica da religião islâmica”.
Um egípcio foi condenado à multa e prisão por 6 (seis) anos de cadeia, por ter acessado páginas cristãs no Facebook.
A notícia é da agencia ICC - International Christian Concern, informando que Kerolos Shawky, um egípcio cristão foi enquadrado no Artº 98 do Código Penal Egípicio : "ridicularizar as religiões celestiais, insultos ou incitar a luta sectária".
Este artigo tem sido usado contra as minorias religiosas.
A notícia tem dois vieses:
1º - a injustiça do mundo muçulmano, que não protege o direito de qualquer ser humano conhecer culturas e religiões diferentes, mesmo que só por curiosidade. Será medo, para impedir defecções?
2º- mostra anos que postamos mensagens cristãs e evangélicas, que há um povo necessitado de conhecer a Palavra de Deus, seja no lugar que for do Mundo.
Lembrando, que o Cristianismo é secular no Egito, através de várias Igrejas e dos Ortodoxos, uma Igreja cristã secular independente de Roma, com um Líder próprio.
Aumenta a nossa responsabilidade ao postarmos nestas Redes Sociais!
A International Christian Concern (ICC) informou que Kerolos Shawky, um homem cristão vivendo no sul do Egito, foi inicialmente acusado de violar as leis de blasfêmia islâmicos no artigo 98 do código penal egípcio, que proíbe "a ridicularização ou religiões celestiais insultuosos ou incitar a luta sectária ", mas, como as notas do TPI, a lei é quase sempre utilizado para ir atrás de minorias religiosas.
Durante o período que antecdeu o julgamento de Kerolos na mesma aldeia em que mora uma propriedade de outro cristão foi incendiada.
Desde que o governo de origem militar comandado por Abdel Fatah El-Sisi esta já é a terceira condenação deste tipo, fora as desconhecidas da mídia, como denuncia em jornal do gerente regional da ICC disse sobre o julgamento::
O sistema legal egípcio parece não ter preocupação com a defesa do Estado de direito ou a proteção dos direitos fundamentais dos cidadãos egípcios. De convições frívolas sobre acusações de blasfêmia como aqueles trazidos contra Kerolos e Demyana ou a convicção de Bishoy, para os casos envolvendo jornalistas, dissidentes políticos e manifestantes, os direitos humanos fundamentais estão sendo pisoteados.”
O Advogado de Kerolos 'disse: "Kerolos não tinha a intenção de insultar a religião islâmica, só que ele fez uma como na página de Cavaleiros da Cruz no Facebook. Ele não tem muita experiência na internet, mais ele sofre de deficiência visual. Então, não havia qualquer intenção de o desprezo ou a blasfêmia do Islã ".
A pesquisadora do Instituto de Política do Oriente Médio, disse atos violentos desdobrou que parecia ser diretamente relacionado com o julgamento em curso.
"Pouco antes do julgamento do homem estava programada para acontecer, propriedade cristã detida na mesma aldeia foi incendiada no que parece ser um ataque relacionado", disse ele.
O TPI ressaltou que a condenação Kerolos 'é o terceiro deste tipo desde Abdel Fatah El-Sisi assumiu o controle do Egito.
Oriente Médio gerente regional da ICC disse sobre o julgamento:
Leiam a matéria e orem.
Um egípcio foi condenado na última terça-feira (24/6) a seis anos de prisão e a pagar uma multa de R$ 1.848 por curtir páginas cristãs no Facebook.
Autoridades consideraram que o homem violara as leis do Egito, que proíbem qualquer crítica à religião islâmica.
De acordo com o site “Breit Bart”, Kerolos Shawky foi indiciado por blasfêmia, ridicularizar religião e incentivar luta sectária.
Mas o advogado de Kerolos justificou que ele não tinha a intenção de insultar a religião islâmica ao curtir a página "Cavaleiros da Cruz" no Facebook. O defensor do egípcio alegou ainda que o homem é deficiente visual e tem pouca experiência na internet.
Uma pesquisadora do Instituto de Política do Oriente Médio denunciou que um prédio de propriedade cristã foi incendiado um pouco antes do julgamento do egípcio. O atentado ocorrera na mesma cidade onde Kerolos mora.
O Instituto dos Interesses Cristãos no Egito afirmou que esta é a terceira condenação do tipo desde que Abdel Fatah el-Sisi assumiu o controle do país.
Ana Clara Otoni
Com Breitbart – London
Jordan Schachtel

E pesquisas de Internet

Nenhum comentário:

Seguidores

Ocorreu um erro neste gadget

Geografia Bíblica-Texto-Local!

Para quem estuda a Arqueologia - Mapas do Antigo Testamento e do Novo Testamento.
Viaje à Terra Santa pelo seu PC, ou qualquer lugar citado na Bíblia! Com ela você pode através do texto que está lendo ter acesso ao local onde ocorreu o fato bíblico! Forma gratuita, é só clicar e acessar:

Ser Solidário

Seja solidário
"Um dia vieram e levaram meu vizinho que era judeu. Como não sou judeu, não me incomodei. No dia seguinte, vieram e levaram meu outro vizinho que era comunista. Como não sou comunista, não me incomodei . No terceiro dia vieram e levaram meu vizinho católico. Como não sou católico, não me incomodei. No quarto dia, vieram e me levaram; já não havia mais ninguém para reclamar..."
Martin Niemöller, 1933

Doutrina


O Credo da Assembléia de Deus
A declaração de fé da Igreja Evangélica Assembléia de Deus não se fundamenta na teologia liberal, mas no conservadorismo protestante que afirma entre outras verdades principais, a crença em:
1)Em um só Deus, eternamente subsistente em três pessoas: o Pai, o Filho e o Espírito Santo (Dt 6.4; Mt 28.19; Mc 12.29).
Pacto de Lausanne – Suíça
Teses de Martinho Lutero
95 Teses de Lutero
Clique e acesse todo texto.

Ensino Dominical